Feliz com 2ª colocação no treino, Vettel espera bom ritmo de corrida da Ferrari em Austin

Depois de ter passado despercebido durante boa parte dos treinos deste fim de semana do GP dos Estados Unidos, Sebastian Vettel conseguiu uma boa volta no final do Q3 do treino classificatório, que foi o suficiente para garantir o piloto da Ferrari na primeira fila, ao lado de Lewis Hamilton.

Rodrigo Nascimento dos Santos
Colaborador do Torcedores

Crédito: Twitter Oficial da Ferrari

A primeira parte da mais nova batalha entre Vettel e Hamilton pelo título mundial desta temporada da F1, teve inicio no treino clssificatório do GP dos Estados Unidos realizado neste sábado em Austin. E ambos os pilotos se garantiram na primeira fila, com o piloto da Mercedes em primeiro, com o alemão da Ferrari ao eu lado.

Para quem não vinha conseguindo ser rápido durante o fim de semana, Sebastian Vettel acredita que conseguiu um grande resultado neste sábado, e segue confiante que possa conseguir realizar uma grade corrida amanhã no Circuito das Américas, já que a Ferrari tem conseguido impor um bom ritmo durante as corridas nesta temporada:

“Estou muito feliz com esse resultado, mas eu estava com um pouco de falta de ritmo por causa do vendaval que estava. De qualquer jeito, acertei a volta quando precisava, na hora certa, que foi no final. É muito importante largar na primeira fila, acho que nosso carro tem um ritmo de corrida verdadeiramente bom.”

“O ano todo a gente tem ficado um pouco para trás nas classificações. Parabéns ao Lewis que conseguiu duas grandes voltas, mas eu tenho esperanças para amanhã. Estou ansioso.”

Quanto a luta do campeonato, Vettel segue mantendo os pés no chão, e sonha em conseguir se manter na disputa após o término da prova: “Vamos dia após dia, passo a passo tentando seguir na briga. Ontem nós ficamos devendo um pouco, mas hoje foi bem melhor. É uma grande pista e deve ser um grande dia para a gente.”

LEIA MAIS:
SOBERANO EM AUSTIN, HAMILTON FATURA A POLE PARA O GP DOS EUA
VETTEL TEM CHANCES DE TÍTULO? RELEMBRE VIRADAS IMPROVÁVEIS NA F1