Futebol

Flamengo sai na frente do Fluminense na Copa Sul-Americana

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito: site oficial do Racing.

Três dos quatro jogos de ida da Copa Sul-Americana foram realizados nas noites de ontem e anteontem. O duelo mais interessante, sobretudo para os brasileiros, terminou com a vitória do Flamengo sobre o Fluminense por 1 a 0 “fora de casa”. Outro resultado que merece destaque foi a goleada do Independiente sobre o Nacional-PAR, que praticamente selou a vaga argentina nas semifinais. Logo mais, Sport e Atlético Júnior encerram a rodada. Confira abaixo os prognósticos os lucros dos investidores, segundo o Oddsshark.com.

 

Flamengo mereceu ganhar do Fluminense

Trinta mil pessoas viram o Flamengo ser superior ao Fluminense no primeiro tempo. Com mais volume no campo ofensivo, Réver perdeu uma boa chance antes de ser substituído por contusão. Aos 27′, a nação rubro-negra festejou: Éverton Ribeiro lançou Willian Arão, que bateu cruzado. Diego Cavalieri não segurou e Everton aproveitou o rebote para estufar as redes.

Nos 45 minutos derradeiros, o Tricolor entrou com mais vontade. Melhorou sua marcação e conseguiu sair com mais velocidade. Aos 10′, numa confusão na área rubro-negra, Marcos Júnior disparou uma bomba que acertou a trave do Urubu. Aos 13′, Gustavo Scarpa arriscou de longe e Diego Alves fez uma defesa difícil. Aos 21′ Sornoza chutou para fora de dentro da área. Os da Gávea só chegaram com perigo aos 38′. Trauco cobrou uma falta levantando a bola na área, Juan cabeceou para tentar achar Willian Arão e a redonda acabou acertando o poste.

De acordo com o regulamento da CONMEBOL, o Flamengo atuou fora de casa e pode empatar o dérbi de semana que vem para avançar. O Fluminense precisa vencer por dois gols de diferença. Ao Pó de Arroz, a vitória magra também serve, desde que marque dois ou mais gols: 2 a 1, 3 a 2, 4 a 3, etc.

Quem aplicou um real, resgatou R$ 3,03.

 

Quer surpresa!

Apesar do péssimo momento vivido no Campeonato Paraguaio, o Libertad conseguiu superar o tradicional Racing por 1 a 0, no Defensores del Chaco, e começou bem a disputa por uma vaga na próxima fase da competição. Os alvinegros foram melhores ao longo dos 90 minutos. O lance capital começou com Óscar Cardozo, que rolou para Salcedo chutar sem defesa aos 25 minutos do primeiro tempo. A Academia se mostrou bastante desorganizada ao longo de toda a peleja e agora precisa ganhar por dois gols de diferença para seguir adiante. Segundo o Oddsshark.com, o placar magro recompensou o investidor em R$ 2,24 / um. Vale o registro da boa presença do público alvianil nas arquibancadas.

 

Independiente exige respeito ao Nacional-PAR

O Nacional-PAR, que luta desesperadamente para não desfilar pela Série B paraguaia em 2018, tinha esperanças de dias melhores na Copa Sul-Americana, pois havia tirado três clubes de prestígio do certame: Cruzeiro, Estudiantes e Olimpia. Parece que a sorte continental abandou o tricolor. Os argentinos agrediam os locais como se estivessem em Avellaneda. Meza abriu o placar aos 27′, quando tocou na saída do goleiro. Caballero empatou ao cabecear livre uma cobrança de corner. A segunda metade foi um verdadeiro passeio dos Vermelhos: Leandro Fernández (dois) e Dávalos deixaram o Independiente muito perto da semifinal e ainda obrigaram as casas de apostas esportivas a pagar R$ 2,42 / um.

 

Tem bola rolando hoje em Recife

Vanderlei Luxemburgo prometeu um final de ano feliz à torcida leonina. Segundo ele, o Sport escapa do rebaixamento e vai longe na Copa Sul-Americana. “Somos capazes de ficar com a taça”, disse. Só que os problemas para encarar o Atlético Júnior começaram antes mesmo do apito inicial. Raul Prata foi vetado e abre espaço para Samuel Xavier se firmar. Já Rithely passou a ser dúvida. É provável que o professor adiante Mena e escale Sander na lateral-esquerda, caso o volante não possa correr..

Os colombianos perderam para o Independiente Santa Fé no fim de semana e chegaram à capital de Pernambuco sem as chuteiras, que foram perdidas pela companhia aérea. De qualquer maneira o grupo se concentrou depois de comprar novos pares de calçados em um shopping center.

O êxito brasileiro está cotado em R$ 1,82 / um, contra R$ 3,44 / um se ninguém for melhor do que ninguém e R$ 4,80 / um se os forasteiros calarem a Ilha do Retiro.

 

Veja outros odds no Torcedores.

 

Quartas de final, jogos de ida:

Terça-feira, 24 de outubro:

Libertad 1×0 Racing (R$ 2,24)

 

Quarta-feira, 25 de outubro:

Nacional-PAR 1×4 Independiente (R$ 2,42)

Fluminense 0x1 Flamengo (R$ 3,03)

 

Quinta-feira, 26 de outubro:

(R$ 1,82) Sport x Atlético Júnior (R$ 4,80) (Empate R$ 3,44)