Mídia Esportiva

Globo SP sente ausência de paulistas e tem com o Grêmio a pior audiência na Libertadores

Publicado às

Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)

Foto: Cortez, lateral do Grêmio

Crédito: Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Com os paulistas fora das competições sul-americanas, a Globo SP optou por exibir na noite da última quarta-feira (25), o duelo do Grêmio contra o Barcelona-EQU, pela primeira semifinal da Libertadores. Embora o Tricolor Gaúcho tenha feito uma das maiores exibições de um clube brasileiro na temporada, a audiência do jogo não empolgou os telespectadores.

De acordo com dados recebidos pelo Torcedores.com, a vitória gremista por 3 a 0 marcou apenas 21 pontos de audiência e 33% de participação na Grande São Paulo. Foi um dos piores resultados com o futebol nas noites de quarta-feira, somente à frente do amistoso entre Corinthians x Ferroviária no final da pré-temporada (20 pontos) e com marca igual a Caldense x Corinthians na abertura da Copa do Brasil.

Barcelona-EQU x Grêmio foi o nono jogo transmitido pela Globo SP na atual edição da Libertadores, apenas o primeiro que não envolveu clubes paulistas. Até então, a emissora tinha exibido os oito jogos do Palmeiras, que não foi além das oitavas de final. O Santos, que parou nas quartas de final, não teve nenhum compromisso exibido.

O jogo de volta da semifinal entre Grêmio x Barcelona, na próxima quarta-feira (1), em Porto Alegre, também tem previsão de transmissão na Globo em São Paulo.

Audiência alta no Rio de Janeiro

No Rio de Janeiro, o canal exibiu o clássico entre Fluminense x Flamengo, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana. A vitória rubro-negra (1 a 0) marcou o recorde da competição. Foram 33 pontos de audiência e 49% de participação, superando o duelo entre Palestino-CHI x Flamengo na segunda fase (31 pontos).

Cada ponto no Ibope equivale a 70,5 mil domicílios sintonizados em São Paulo, apenas na região metropolitana, referência para o mercado publicitário. No Rio de Janeiro, um ponto equivale a 44 mil residências.

VEJA TAMBÉM:

Fluminense x Flamengo dá recorde de audiência à Globo 

Imprensa internacional exalta defesa de Marcelo Grohe: “mão de Deus” 

Gremista, apresentador da Globo relembra quando usou o hino do clube em entrada ao vivo