Futebol

Grêmio tem aproveitamento de rebaixado quando poupa jogadores no Brasileirão

Publicado às

Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)

Crédito: Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Com a base titular poupada para a semifinal da Libertadores, o Grêmio foi derrotado pelo Palmeiras (3 a 1) na tarde do último domingo, na Arena, praticamente sepultou as chances do título brasileiro e piorou ainda mais o seu aproveitamento quando entra em campo com formação alternativa na competição.

Quando poupa atletas no Brasileirão por conta da Copa do Brasil (já encerrada) e Copa Libertadores, o Grêmio tem pífio rendimento de 16,6% dos pontos disputados, números piores que o do lanterna Atlético-GO na classificação geral (28,9%). Foram oito jogos gremistas, com seis derrotas, um empate e apenas uma vitória.

A primeira vez que o técnico Renato Portaluppi resolveu poupar titulares ocorreu logo na terceira rodada. Ele levou a campo uma mescla de reservas com atletas do grupo de transição contra o Sport, na Ilha do Retiro. A equipe totalmente alternativa abriu 2 a 0 no placar, mas cedeu a virada (4 a 3).

A única vitória com um time misto ocorreu contra o Atlético-MG (2 a 0), na Arena, três dias antes do jogo das oitavas de final da Libertadores, contra o Godoy Cruz, em casa.

Aproveitamento de campeão com titulares

Dá para dizer que se o Grêmio não tivesse poupado tantos atletas por várias rodadas, a equipe estaria em situação melhor na tabela. O aproveitamento, com os titulares, é inclusive superior ao do líder Corinthians na classificação geral. O Tricolor conquistou 69,69% dos pontos nos 22 jogos em que atuou com a base considerada titular. Foram 14 vitórias, um empate e quatro derrotas. Líder da competição, o Timão tem 67,8% de aproveitamento.

Os jogos do Grêmio no Brasileirão

Botafogo (casa) – vitória por 2 a 0 – base titular

Atlético-PR (fora) – vitória por 2 a 0 – base titular

Sport (fora) – derrota por 4 a 3 – reservas – três dias antes do 2º jogo das oitavas da Copa do Brasil

Vasco (casa) – vitória por 2 a 0 – base titular

Fluminense (fora) – vitória por 2 a 0 – base titular

Cruzeiro (fora) – empate por 3 a 3 – base titular

Coritiba (casa) – vitória por 2 a 0 – base titular

Grêmio (casa) – derrota por 1 a 0 – base titular

Palmeiras (fora) – derrota por 1 a 0 – reservas – três dias antes do 1º jogo das oitavas da Libertadores

Avaí (casa) – derrota por 2 a 0 – base titular

Flamengo (fora) – vitória por 1 a 0 – base titular

Ponte Preta (casa) – vitória por 3 a 1 – base titular

Vitória (fora) – vitória por 3 a 1 – base titular

São Paulo (fora) – empate por 1 a 1 – base titular

Santos (casa) – empate por 1 a 1 – base titular

Atlético-GO (fora) – vitória por 1 a 0 – base titular

Atlético-MG (casa) – vitória por 2 a 0 – mistão – três dias antes do 2º jogo das oitavas da Libertadores

Botafogo (fora) – derrota por 1 a 0 – reservas – três dias antes da 1ª semifinal da semi da Copa do Brasil

Atlético-PR (casa) – empate por 0 a 0 – reservas – três dias antes da 2ª semifinal da Copa do Brasil

Sport (casa) – goleada por 5 a 0 – base titular

Grêmio (fora) – derrota por 1 a 0 – base titular

Chapecoense (casa) – derrota por 1 a 0 – mistão

Bahia (fora) – derrota por 1 a 0 – reservas

Fluminense (casa) – vitória por 1 a 0 – base titular

Cruzeiro (casa) – derrota por 1 a 0 – base titular

Coritiba (fora) – vitória por 1 a 0 – base titular

Corinthians (fora) – empate por 0 a 0 – base titular

Palmeiras (casa) – derrota por 3 a 1 – reservas – três dias antes da 1ª semifinal da Libertadores

VEJA TAMBÉM:

Torcedores do Grêmio detonam Jael após derrota para o Palmeiras 

Grêmio x Palmeiras: assista aos gols da vitória palmeirense