Futebol

Guerrero sente dores na coxa, deixa treino e preocupa Flamengo antes de clássicos

Publicado às

Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.

Crédito: Gilvan de Souza/Flamengo

Às vésperas do clássico contra o Fluminense pelas quartas da Copa Sul-Americana, Paolo Guerrero não deu boa notícia aos torcedores do Flamengo. Fora do jogo contra o São Paulo, no último domingo, o camisa 9 voltou a sentir dores na parte posterior da coxa esquerda e deixou o treino mais cedo. Com isso, ele vira dúvida para o Fla-Flu, assim como o jogo contra o Vasco, no sábado, pelo Campeonato Brasileiro.

Em entrevista coletiva, o Dr. Márcio Tannure, chefe do departamento médico do Flamengo, confirmou que Guerrero fez tratamento específico para a coxa sábado e domingo e, com as dores sentidas nessa segunda, recusou-se a dar um prazo de retorno.

“Este foi exatamente o motivo de Paolo (Guerrero) não ter jogado ontem. Ele tinha um edema na parte posterior da coxa esquerda. Hoje, iniciou o processo de transição. Nestes dias todos ficou só na fisioterapia. Aqui, não trabalhamos com prazo. Vai depender de como vai evoluir nestes dias”, avaliou Tannure.

No último domingo, contra o São Paulo, o técnico Reinaldo Rueda surpreendeu ao escalar Berrío como “falso 9”. A tática não deu certo e o colombiano, para completar, rompeu o tendão patelar do joelho esquerdo – ficará oito meses afastado dos gramados. A tendência é que, se o peruano não puder jogar, o jovem Lucas Paquetá entre como titular.

Três semanas sem atuar, Vinícius Júnior tem boas perspectivas de retornar no clássico contra o Fluminense. O camisa 20 voltou a treinar com os companheiros e deve ficar à disposição de Rueda – tratou de entorse no joelho direito após a derrota para a Ponte Preta, em Campinas.

LEIA TAMBÉM:
Flamengo confirma ruptura no joelho e Berrío não joga mais em 2017; veja previsão de retorno
Caio Ribeiro vira alvo de enxurrada de críticas de rubro-negros por dizer que validaria gol de Pratto
Mauro Cezar Pereira questiona escalação de Rueda e detona Flamengo: “Time banana e frouxa”
São Paulo x Flamengo: Rubro-negros reclamam de toque de mão de Pratto no gol do São Paulo