Olhar Latino: o emocionante futebol das ligas dos países classificados para a Copa

A América Latina estará representada na Copa do Mundo por pelo menos Argentina, Colômbia, Costa Rica, Panamá e Uruguai, além de Brasil e México, que já estavam garantidos desde datas FIFA anteriores. Nossa região ainda tenta outras duas vagas com Honduras e Peru, que disputam a Repescagem das Eliminatórias. Confira a situação doméstica em cada uma das competições nacionais dos países classificados.

Odds Shark
Parceiro do Torcedores.com.

Crédito: Crédito: Deportivo Árabe Unido (facebook oficial).

 

Boca Jrs. tem cem por cento na Superliga

Cristian Pavón e Darío Benedetto garantiram mais três pontos para os Xeneizes. Eles foram os autores dos tentos do Boca Jrs., sobre o Patronato, no município de Paraná, que garantiram os 60% de lucro do investidor, segundo as casas de apostas esportivas. Foi o sexto triunfo dos portenhos em igual número de partidas, o que mantém os amarelos e azuis com cem por cento de aproveitamento e uma boa vantagem de seis pontos para River Plate, San Lorenzo, Colón e Lanús.

Quem se deu mal no fim de semana foi o River Plate que decidiu utilizar os reservas contra o Atlético Tucumán pela liga, para não correr risco de desfalques amanhã, quando encara o Atlanta, da terceirona, pela Copa da Argentina. A estratégia trapalhada custou caro aos Millonarios e pagou bem a quem percebeu isso de véspera: R$ 4,39 / um.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

A grande surpresa da primeira divisão é o Colón, que ocupa uma das cinco primeiras posições, o que lhe garante uma vaga na Libertadores. No sábado, o rubro-negro bateu o Temperley por 2 a 0, garantindo o retorno de R$ 1,61 / um.

Outro resultado importante foi o êxito do San Lorenzo sobre o Defensa y Justicia, que rendeu R$ 2,19 / um.

 

A primeira vez do Panamá

Está em dúvida sobre qual curso de faculdade escolher?

A Liga Profissional do Panamá é praticamente amadora. Clubes com baixos orçamentos, que possuem estádios acanhados e cujas estrelas são logo negociadas para agremiações de países mais fortes como Colômbia, Estados Unidos, Guatemala, Honduras, México e Peru. Raros são os casos, como o do goleiro Jaime Penedo, que brilha na Europa. Ele é atleta do Dínamo de Bucareste, da Romênia. Se compararmos a contenda panamenha com a argentina, a diferença é abissal.

Com 30 pontos, o ponteiro é o Tauro, que bateu o Miguelito por 2 a 0 (R$ 1,67 / um), no sábado. No mesmo dia, o Árabe Unido manteve sua perseguição ao alvinegro ao derrotar o Plaza Amador, no famoso Maracanã, da capital (com capacidade para 5.500 pessoas). O investidor retirou R$ 2,96 para cada real aplicado.

Mesmo com todo o amadorismo, sobrou paixão e o Panamá está merecidamente classificado para o seu primeiro Mundial.

 

Peñarol é o Boca Jrs. uruguaio

Com uma campanha perfeita após sete compromissos, o Peñarol ocupa o primeiro posto do campeonato charrúa. No sábado, goleou o Rampla Jrs. por 4 a 1, com três gols de Cristián Palacios (um foi contra). Quem acreditou nos aureonegros recebeu R$ 1,41 / um em sua conta corrente.

O Defensor está invicto, mas seu tropeço contra o Rampla Jrs. o mantém dois pontos atrás dos Carboneros. No fim de semana, bateu o River Plate por 2 a 1 (R$ 1,98 / um).

Quem não vem muito bem é o Nacional, que é apenas o sexto. Em seus domínios, perdeu no domingo para o Sisley, por 2 a 1, pagando a maior recompensa do certame até aqui, segundo o Oddsshark.com: R$ 7,11 / um.

 

Saprissa aproveitou tropeço do Herediano

Com a CONCACAF recebendo cada vez mais vagas da FIFA, Costa Rica está se tornando um selecionado tradicional em fases finais de Copa do Mundo. Sua cena local ainda é pouco conhecida dos brasileiros porque o país não disputa as competições sul-americanas.

No fim de semana, o líder Herediano (34 pontos) não passou pelo Limón na estrada (R$ 3,40 / um, segundo o Oddsshark.com) e viu o Saprissa encostar. Mesmo em Cartago, a representação da capital San José se impôs num jogão diante do Cartaginés: 4 a 3 e R$ 2,15 / um para o bolso do apostador. Os grenás ainda precisam descontar outros seis pontos.

 

Equilíbrio na Colômbia

O Torneo Clausura colombiano está pau a pau entre Atlético Júnior, Nacional e Independiente Santa Fé. Como avançam oito para o mata-mata, estes três dificilmente ficam de fora. Neste momento, La Equidad, Millonarios, Tolima, Jaguares de Córdoba e Cortuluá seriam os demais classificados.

O destaque do fim de semana foi a boa vitória do Atlético Júnior sobre o Independiente Medellín por 2 a 1, o que trouxe uma recompensa de R$ 3,28 / um ao investidor.

 

Veja outros odds no Torcedores.

 

Sexta-feira, 13 de outubro:

San Lorenzo 3×1 Defensa y Justicia (R$ 2,19)

 

Sábado, 14 de outubro:

Tauro 2×0 Miguelito (R$ 1,67)

Plaza Amador 0x1 Árabe Unido (R$ 2,96)

Colón 2×0 Temperley (R$ 1,61)

Defensor 2×1 River Plate (R$ 1,98)

Rampla Jrs. 1×4 Peñarol (R$ 1,41)

 

Domingo, 15 de outubro:

Limón 1×1 Herediano (R$ 3,40)

Cartaginés 3×4 Saprissa (R$ 2,15)

Nacional 1×2 Sisley (R$ 7,11)

River Plate 2×2 Atlético Tucumán (R$ 4,39)

Patronato 0x2 Boca Jrs. (R$ 1,60)

Independiente Medellín 1×2 Atlético Júnior (R$ 3,28)