DESTAQUE

Técnico de rival do Grêmio na Libertadores diz que queria ter D’Ale: “Um exemplo”

Publicado às

Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

D'Ale

Foto: Inter

Crédito: - Foto: Ricardo Duarte/Inter

“Qual treinador não gostaria de tê-lo no time?”. É desta forma que o uruguaio Guillermo Almada, técnico do Barcelona, responde à reportagem do Torcedores.com quando perguntado sobre Andrés D’Alessandro, capitão e ídolo do Inter. Colorado assumido, D’Ale certamente estará na torcida por Almada e por seus comandados do Barcelona, que enfrentam nesta quarta-feira o Grêmio pela ida da semifinal da Libertadores.

Almada, que demonstrou grande conhecimento sobre o futebol brasileiro durante toda a entrevista, disse ver em D’Ale uma espécie de “exemplo” para os demais jogadores, sobretudo os mais jovens. Para o treinador, o meia é um jogador “determinante” dentro de uma partida.

“Obviamente conheço D’Alessandro. É um jogador classe A, que tem uma trajetória destacada. Sei que retornou ao Inter, que está jogando a segunda divisão brasileira. Mas seguramente vai subir. É um jogador determinante, que todas as equipes deveriam ter. É um condutor, que faz jogar os demais companheiros. É como eu digo sempre. Esse tipo de jogador é um exemplo para os mais jovens. Sim, qual treinador não gostaria de tê-lo no time?”, pontuou.

OUÇA:

D’Ale só não está de maneira ininterrupta no Inter porque, por empréstimo, retornou ao River Plate no ano de 2016 – justamente a temporada que marcou o inédito rebaixamento da história colorada. De volta em janeiro, ele tem conduzido o time rumo ao acesso à Série A sendo o líder de assistências da equipe na Série B.

O camisa 10 colorado, aliás, tem motivos de sobra para estar atento à semifinal da Libertadores. Além dos elogios de Almada e da participação do rival Grêmio, D’Ale poderá acompanhar os seus ex-companheiros de River Plate, que disputam a presença na grande final contra o Lanús, também da Argentina.

Você conhece os melhores sites de apostas do mercado? O OddsShark te indica!

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Roth “defende” algoz colorado e cutuca: “Mazembe jogou 4 ou 5 mundiais, e o Grêmio?”

Carrasco dos brasileiros, técnico do Barcelona mira trabalhar no país: “Uma honra”