Futebol

Opinião: De virada, Atlético-MG bate Cruzeiro e mantém hegemonia no Mineirão

Publicado às

Sou profissional na área de PcDs (Pessoas com Deficiência) e consultora sobre o tema. Crio elo entre empresas e profissionais PcDs, desenvolvendo relações que agreguem qualidade de vida para pessoas e geração de valor para empresas. Palestrante e Coaching, trago através do Torcedores.com informações sobre paratletas, suas modalidades e suas histórias de superações. Meu site: www.clickconsultoriapcd.com

Crédito: Crédito: Instagram Oficial do Atlético Mineiro

O Atlético mesmo perdendo o jogo, não se abateu, soube reagir e vence o clássico, de virada, em 3 a 1, e Cazares perde uma chance sem goleiro e jogou a bola para fora, perdendo a chance de fazer o 4º gol.

Atlético começa na defensiva e errando passes, enquanto o Cruzeiro perde a bola e faz duas paradas no Galo com faltas perigosas. O jogo começou bem movimentado dos dois lados e Atlético soube aproveitar e fazer a virada. Adilson cabeceia para fora e no contra-ataque do Cruzeiro, Victor faz defesa mas sente fortes dores no joelho esquerdo e fica caído para atendimento.

Atlético e Cruzeiro tiveram bastante passes errados e grandes contra-ataques das equipes, porém Atlético perde mais finalizações para o gol e no contra-ataque do Cruzeiro, Victor salva o Atlético, fazendo suas incríveis defesas. No início o juiz fez boas marcações dois impedimentos do ataque do Cruzeiro. Mas ninguém do Atlético faz uma marcação em cima dos jogadores do Cruzeiro e Thiago Neves, aos trinta minutos, marca o primeiro gol para o Cruzeiro.

Outro detalhe importante é que o Atlético sai tocando a bola dentro da área e faz com que o Cruzeiro consiga roubar a bola e fazer ótimos lances.No início de 2º tempo teve a péssima troca de Roger Bernardo pelo Yago, pois Roger Bernardo estava jogando muito bem.

Falta em cima do Adilson perto da área aos dois minutos, logo após Otéro fez ótimo lance para Fred que não soube aproveitar bem a finalização.

Atlético deixa livre a marcação no Cruzeiro e Rafinha quase marca o 2° gol aos oito minutos. E Otero bateu a falta bem, mas passou por cima do gol. Oswaldo fez ótima substituição de Valdívia (que hoje não jogou bem) pelo Cazares, porém Cazares perdeu muitos lances, errando muitos passes e sendo desarmado pelo adversário.

De contra-ataque, Atlético faz uma troca de passe que acaba em Otero para empatar o jogo, aos quinze minutos.

Os dois times correm bastante pelo campo, fazendo com que os dois goleiros fizessem grandes defesas e aos vinte min Robinho faz o gol da virada.

Oswaldo fez péssima troca de Otero pelo Clayton, pois Otero era um dos poucos jogadores do Atlético que estava correndo e tirando as bolas dos ataques do Cruzeiro.

Victor, no geral, fez grandes defesas, salvando o Atlético de tomar mais gols. E a grande jogada para Robinho fechar com gol aos trinta e cinco minutos.