Bahia vence e sobe na tabela do Brasileirão; veja a classificação

Classificação - Bahia
Premiere

Bahia conseguiu uma excelente resultado na noite desta quarta-feira (8), ao bater fora de casa o Avaí por 2 a 1, na Ressacada, em Santa Catarina, partida válida pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os dois gols da vitória foram marcados por Edgar Junio.

A gente não pode subestimar o Brasileiro, mas o Bahia é grande, dois títulos, torcida maravilhosa, então por que não pensar em Libertadores? Estamos com muita sede e vamos buscar até o final. Já que teve homenagem no primeiro gol, no segundo vou oferecer para a minha mãe. Bete, um beijo”, disse Edgar ao Premiere logo após o apito final.

Com o triunfo, o Bahia ultrapassa o São Paulo e o Vasco (que ainda não atuaram), chegando na oitava posição com 45 pontos. São dois de diferença do Flamengo, o primeiro do G7, grupo de classificação para a Libertadores da América. Vale lembrar que o Rubro-Negro joga ainda hoje diante do Cruzeiro.

O próximo compromisso do Tricolor será no domingo, às 18h (horário de Brasília), contra o Atlético-MG, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

Enquanto que o Avaí caminha a passos largos para disputar a Série B em 2018. É o penúltimo com 35 somados e terá uma parada indigesta no final de semana. Vai até a capital paulista encarar o líder Corinthians, em itaquera.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ 1 x 2 BAHIA

Local: Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 08 de novembro de 2017, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols (PE)
Assistentes: Clovis Amaral da Silva (PE) e Ricardo Bezerra Chianca (PE)
Cartões amarelos: Romulo, Pedro Castro (AVA); Allione, Juninho Capixaba (BAH)
Gols:
AVAÍ: Marquinhos, aos 16 minutos do 1º Tempo
BAHIA: Edigar Junio, aos 32 minutos do 1º Tempo e aos 33 minutos do 2º Tempo

AVAÍ: Douglas Friedrich; Maicon (Diego Tavares), Fagner Alemão, Betão e João Paulo; Judson, Pedro Castro, Marquinhos (Wellington Simião) e Luanzinho (Maurinho); Júnior Dutra e Romulo
Técnico: Claudinei Oliveira

BAHIA: Jean; Eduardo, Tiago, Thiago Martins e Juninho Capixaba; Renê Júnior (Feijão), Juninho, Zé Rafael e Allione (Matheus Sales); Edigar Junio e Mendoza (Régis)
Técnico: Paulo Cesar Carpegiani

*Atualizado às 21:50