Extra-campo

Muitas contratações, vários planejamentos e frustrações; o balanço da Portuguesa na temporada 2017

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Orgulho de ser Lusa.

Mais uma temporada para ser esquecida, a incompetência reinou mais uma vez, e a Lusa fracassou em todos os campeonatos que disputou; confira o balanço da temporada.

No final do ano passado, após o inédito rebaixamento para a Série D do Campeonato Brasileiro, a Portuguesa nomeou seu novo presidente. O jornalista Alexandre de Barros assumiu o cargo que vai até 2020, e chegou prometendo um time competitivo e recolocar a Portuguesa na Série A. Um projeto ambicioso que foi por água abaixo…

LEIA MAIS:
Copa Paulista: Portuguesa é eliminada da competição e fica sem divisão para 2018
Iludido mais uma vez! Portuguesa perde para a Desportiva-ES e fica sem divisão para 2018

Assumiu o cargo em definitivo no mês de janeiro deste ano, as primeiras movimentações foram às contratações de Émerson Leão para ser o consultor de futebol da equipe rubro-verde, e a contratação do técnico Tuca Guimarães. Na temporada a Portuguesa tinha 4 competições para disputar, são elas: Campeonato Paulista Série A2, Campeonato Brasileiro Série D, Copa do Brasil e Copa Paulista.

Para a Série A2 do Campeonato Paulista, o time foi montado em tempo recorde, menos de um mês. Foram 24 atletas contratado, mais alguns jogadores oriundos das categorias de base. Um time muito mal formulado e péssimo tecnicamente, se livrou do rebaixamento para a Série A3 do Campeonato Paulista graças à vitória do Bragantino sobre o Votuporanguense, e a vitória do Barretos sobre o Velo Clube.

A Lusa terminou na 13º colocação com 23 pontos em 19 partidas, teve um dos piores ataques da competição com 18 gols e sofreu 24 gols, um saldo negativo de -6. O time conquistou 7 vitórias, empatou duas vezes, e perdeu 10 vezes, um aproveitamento de 40 %. O técnico Tuca Guimarães assumiu na primeira rodada e foi demitido na décima rodada após a derrota sobre o Capivariano. Para o seu lugar, um velho conhecido, Estevam Soares assumiu o time, mas acabou deixando a equipe no meio de um campeonato com tiro curto.

Para a Série D, 9 jogadores foram dispensados e 9 contratados, o time montado com a base do Campeonato Paulista da Série A2 e com a manutenção do técnico Estevam Soares, não foi longe. E pior, na segunda partida da competição, num total de 6 jogos na fase de grupos, o técnico Estevam Soares foi demitido. Além disso, 6 jogadores também foram dispensados no meio da competição, e para variar, contratou mais 5 atletas, além do técnico Mauro Fernandes.

Resultado, o time foi eliminado na primeira fase da competição, em um grupo, com: Bangu, Villa Nova-MG e Desportiva Ferroviária-ES. O time acabou na última colocação da chave com 7 pontos em 6 partidas, marcou 5 gols e sofreu 4.

Isso sem contar a Copa do Brasil no início da temporada, que teve o mesmo time do Campeonato Paulista. A Lusa bateu o Uniclinic-CE na primeira fase, mas sofreu revés para o poderoso Boavista-RJ, dentro de casa, e amargou mais uma eliminação.

Com a eliminação na Série D, o que restou para a Portuguesa foi a Copa Paulista, o torneio estadual a onde somente o campeão poderia optar por jogar a Série D de 2018. Era a única chance da Lusa permanecer em uma divisão nacional, mas…

Para a Copa Paulista foram 8 jogadores dispensados, e 17 jogadores contratados, contando desde o início até o final da competição. O planejamento que começou nas mãos de Mauro Fernandes, terminou com PC Gusmão, outro planejamento rasgado no meio de um campeonato. Mauro foi demitido na sétima rodada, após uma derrota em casa para o Água Santa. PC assumiu o time na nona rodada contra o Nacional-SP.

Na Copa Paulista, um torneio inferior aos outros campeonatos que a Portuguesa disputou no ano, a Lusa até teve um desempenho satisfatório. Foram 24 partidas, com 11 vitórias, 8 empates e 5 derrotas, 29 gols marcados e 24 sofridos. Mas, o objetivo era vencer a competição, e a Portuguesa não conseguiu mais uma vez… Foi eliminada na semifinal pela Ferroviária, e deu adeus a chance de permanecer na Série D do Campeonato Brasileiro em 2018.

CURTINHAS:

1- Guilherme Queiróz foi contratado para a Série D e só jogou na Copa Paulista, pois se contrato com a Portuguesa é de empréstimo junto ao time de seu empresário. O Grêmio Santa Cruz de Alvarenga (POR), e como a janela de transferências não estava aberta, a Lusa teve que esperar até o dia 01/07 para contar com o jogador. Nesta data, a Lusa já havia sido eliminada da Série D e estava em preparação para a Copa Paulista. O presidente Alexandre Barros pagou R$ 60 mil para o empresário do jogador trazê-lo para o Canindé.

2- O atacante Claudio foi contratado no meio da Série D, mais precisamente no quarto jogo do clube, na fase de grupos que tinha apenas seis jogos. O jogador que estava no CT do Parque Ecológico fazendo testes há quase um mês, só foi contratado nesse período da competição e só estreou no último jogo, contra a Desportiva Ferroviária. O jogador jogou 15 minutos e foi dispensado.

3- O atacante Rodolfo que veio por empréstimo junto ao Palmeiras no início da temporada, na verdade não foi dispensado ao término do Campeonato Paulista. Ele continuou treinando no CT e quase sempre atrapalhava as concentrações e treinava quando queria.

4- O lateral-direito Endrew que chegou por empréstimo da Portuguesa carioca, para reforçar a equipe na Copa Paulista, na verdade nem foi inscrito no torneio.

5- O meia Caíque Botelho foi contratado para a Copa Paulista, e sequer foi inscrito na competição.

CONFIRA OS ELENCOS DA PORTUGUESA DURANTE A TEMPORADA:

ELENCO CAMPEONATO PAULISTA SÉRIE A2:

GOLEIROS:
Ricardo Berna
João Lopes – (Emprestado pelo Flamengo)
Douglas Lima
Iago (Base)

LATERAIS-DIREITOS:
Bruno Santos – (Emprestado pelo Figueirense)
Amaral
Alanderson (Base)

LATERAIS-ESQUERDOS:
Romulo – (Emprestado pelo Criciúma)
Thiago Feltri

ZAGUEIROS:
Lucas Basualdo
Everton
Vinícius Gouvêa
Bruno Oliveira (Base)

VOLANTES:
Dinho
Tárik
Michel
Ronaldo Lima (Base)
Vinícius Martins (Base)
Sandro Silva
Cleison Baiano (Base)
Fernando Martins

MEIAS:
Bruno Farias
Leandro Domingues
Rafael Vicentini (Base)
Mateo Bustos
Bruno Xavier (Base)

ATACANTES:
Rico
Luizinho
Bruno Duarte (Base)
Adilson
Brunão
Rodolfo – (Emprestado pelo Palmeiras)
Danilo Mariotto – (Emprestado pelo Fluminense)

Técnicos: Tuca Guimarães e Estevam Soares.

ELENCO PARA A SÉRIE D:

GOLEIROS:
Ricardo Berna
João Lopes
Douglas Lima
Iago (Base)

LATERAIS-DIREITOS:
Amaral
Alanderson (Base)
Paulo Fernando

LATERAL-ESQUERDO:
Thiago Feltri

ZAGUEIROS:
Gabriel Santos
Vinícius Gouvêa
Everton
Bruno Oliveira (Base)
Mateus Brunetti (Base)

VOLANTES:
Dinho
Jonatas Paulista
Dedé
Tárik
Vinícius Martins (Base)
Fernando Martins
Jonatan Lima
Cleison Baiano (Base)

MEIAS:
Leandro Domingues
Marcelinho Paraíba
Paulinho Le Petit
Rafael Vicentini (Base)
Mateus Sales (Base)
Bruno Xavier (Base)

ATACANTES:
Bruno Duarte (Base)
Fernandinho
Luizinho
Adilson
Luiz Thiago
Guilherme Queiróz – (Emprestado)
Claudio
Rodolfo

Técnicos: Estevam Soares e Mauro Fernandes.

ELENCO PARA A COPA PAULISTA:

GOLEIROS:
Ricardo Berna
João Lopes
Douglas Lima
Iago (Base)

LATERAIS-DIREITOS:
Paulo Fernando
Alanderson (Base)
Alex Murici
Endrew

LATERAIS-ESQUERDOS:
Franklin
Altemar

ZAGUEIROS:
Gabriel Santos
Rodolfo Mol
Marcão – (Emprestado pela Portuguesa-RJ)
Rafael Cardoso
Bruno Oliveira (Base)

VOLANTES:
Dinho
Jonatas Paulista
Dedé
Vinícius Martins (Base)
Cleison Baiano (Base)
Reinaldo (Base)
Vinícius Santos

MEIAS:
Marcelinho Paraíba
Pereira – (Emprestado)
Júnior Lemos – (Emprestado pelo América-MG)
Maicon Assis – (Emprestado pela Portuguesa-RJ)
Mateus Sales (Base)
Caíque Botelho
Rodrigo Paraíba
Gionotti – (Emprestado pelo Palmeiras)

ATACANTES:
Fernandinho
Luiz Thiago
Bruno Duarte (Base)
Bruno Rios
Luizinho
Guilherme Queiróz – (Emprestado)
Rodrigo Sabão
Romarinho – (Emprestado pelo Brasiliense-DF)
Romário Costa – (Emprestado pela Portuguesa-RJ)

Técnicos: Mauro Fernandes e PC Gusmão.

ESTATÍSTICAS:

Contratados: 51 jogadores
Dispensados: 25 jogadores
Técnicos: 4
Jogador com maior número de jogos na temporada: Ricardo Berna (33)
Jogos: 51 partidas (21 vitórias, 11 empates, e 19 derrotas)
Jogador com mais gols na temporada: Guilherme Queiróz

CONTRATO DOS ATLETAS:
Ricardo Berna – 30/11/17
Douglas Lima – 31/05/18
João Lopes – 19/01/18 – (Emprestado)
Iago – 31/12/17
Paulo Fernando – 10/05/18
Alanderson – 01/05/18
Franklin – 10/05/18
Gabriel Santos – 10/05/18
Bruno Oliveira – 31/12/18
Rodolfo Mol – 10/12/17
Rafael Cardoso – 16/07/20
Marcão – 30/11/17 – (Emprestado)
Altemar – 10/05/17
Mateus Brunetti – 14/06/20
Endrew – 30/11/17 – (Emprestado)
Reinaldo – 31/12/18
Júnior Lemos – 10/05/18 – (Emprestado)
Dinho – 10/12/17
Vinícius Martins – 31/12/18
Cleison Baiano – 01/08/19
Caíque Botelho – 30/11/17
Rodrigo Paraíba – 10/05/18
Pereira – 10/05/18 – (Emprestado)
Vinícius Santos – 16/05/19
Jonatas Paulista – 10/06/19
Luizinho – 31/12/20
Fernandinho – 30/11/18
Bruno Duarte – 31/05/18
Bruno Rios – 10/12/17
Luiz Thiago – 30/06/20
Romarinho – 30/11/17 – Emprestado
Romário Costa – 30/11/17 – Emprestado
Rodrigo Sabão – 30/11/17
Dedé – 10/12/17
Mateus Sales – 14/06/20
Guilherme Queiróz – 30/06/18 – (Emprestado)

** Em negrito os contratos próximos do término.

QUEM DEVE SAIR:

Ricardo Berna (Goleiro) – Deve sair por conta de uma problema no joelho e seu contrato não foi estendido até o ano que vem;
João Lopes (Goleiro) – Retorna de empréstimo para o Flamengo;
Endrew (Lateral-direito) – Retorna de empréstimo para a Portuguesa-RJ;
Rodolfo Mol (Zagueiro) – Deve sair por um problema de hérnia na lombar e no pescoço, seu contrato não foi estendido para o ano que vem;
Marcão (Zagueiro) – Retorna de empréstimo para a Portuguesa-RJ;
Dedé (Volante) – Seu contrato não foi estendido para o ano que vem, e o jogador tem uma proposta real de outra equipe;
Marcelinho Paraíba (Meia) – Deve sair por conta de uma proposta de outro clube;
Maicon Assis (Meia) – Retorna de empréstimo para a Portuguesa-RJ;
Júnior Lemos (Meia) – Tem contrato até o ano que vem, porém não agradou e deve retornar ao América-MG;
Caíque Botelho (Meia) – Contrato até 30/11
Rodrigo Sabão (Atacante) – Contrato até 30/11
Romarinho (Atacante) – Retorna de empréstimo para a Brasiliense-DF;
Romário Costa (Atacante) – Retorna de empréstimo para a Portuguesa-RJ;
Bruno Rios (Atacante) – Não deve ter seu contrato renovado;
Dinho (Volante) – Não deve ter seu contrato renovado;
Gabriel Santos (Zagueiro) – Deve sair por algumas divergências com a comissão técnica;
Rodrigo Paraíba (Meia).

QUEM DEVE FICAR:
Rafael Cardoso (Zagueiro);
Bruno Oliveira (Zagueiro);
Paulo Fernando (Lateral-direito);
Alanderson (Lateral-direito);
Douglas Lima (Goleiro);
Iago (Goleiro) – Deverá ter seu contrato renovado, pois estava contundido;
Altemar (Lateral-esquerdo);
Franklin (Lateral-esquerdo);
Jonatas Paulista (Volante);
Vinícius Santos (Meio-campista);
Cleison Baiano (Volante);
Vinícius Martins (Volante);
Pereira (Meia);
Reinaldo (Volante);
Luizinho (Atacante);
Fernandinho (Atacante);
Bruno Duarte (Atacante);
Mateus Sales (Meia);
Guilherme Queiróz (Atacante);
Luiz Thiago (Atacante).

Lembrando que o Campeonato Paulista da Série A2 começa no próximo dia 17 de janeiro (quarta-feira). São 16 equipes que compõe o campeonato, dois sobem para a Série A1, e dois descem para a Série A3. Detalhe, a Portuguesa só jogará a Copa Paulista novamente caso consiga terminar entre os 8 melhores do Campeonato Paulista da Série A2.

A qualificação para a Copa Paulista é definida pelos 8 melhores colocados da Série A1, os 8 melhores da Série A2 e os 7 melhores da Série A3.