“Emoção grande”, diz W. Paulista sobre volta de Neto aos treinos com bola

Exatamente um ano após a tragédia que vitimou 71 pessoas na queda do avião da Chapecoense, na Colômbia, o zagueiro Neto retornou aos treinos com bola no CT Água Amarela.

Victor de Freitas
Baiano, 25 anos, jornalista formado pela Universidade Jorge Amado (UniJorge). Apaixonado por esportes em geral, de preferência basquete, tênis e futebol. Contato: victorw10@outlook.com

Crédito: Foto: Divulgação/Chapecoense

O retorno do defensor alviverde, um dos seis sobreviventes da tragédia, aos treinos com bola, é motivo de orgulho para seus próprios companheiros de clube. Um dos atletas mais experiente do elenco, Wellington Paulista citou a emoção de ter novamente o zagueiro nas atividades com bola.

“É muito emocionante. Desde que ele chegou aqui em janeiro, de muleta e todo cortado, não só ele, o Alan e o Follman também, esperávamos essa oportunidade o mais rápido possível. O Alan veio um pouco mais cedo. O Neto vinha e treinava separado. Hoje foi a primeira vez que ele treinou com bola, ficamos meio receosos de chegar nele, de marcar um pouco mais forte. Mas é legal, é um cara que temos um carinho especial e vamos dar força total para que ele possa voltar o mais rápido possível”, disse o atacante do Verdão, em entrevista ao “Seleção SporTV”.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Na Chapecoense desde a pré-temporada, Wellington Paulista relembrou como foi chegar a Chapecó pouco tempo após a tragédia e vibrou com o desempenho do time durante o ano.

“Cheguei aqui e a cidade estava devastada pelo que aconteceu. Conseguimos, no dia a dia, no decorrer dos jogos, trazer a alegria de volta para a cidade, com o título catarinense, com a boa campanha na Libertadores, com um começo de ano muito bom no Brasileiro. Depois tivemos uma pequena queda de rendimento, mas no começo do ano tínhamos que trazer a alegria de volta e conseguimos. Foi importante para que a cidade pudesse se reconstruir o mais rápido possível, e nós também. Foi importante chegar, não tão feliz, e trazer de volta a felicidade”, destacou.

O último desafio do Verdão em 2017 será neste domingo, contra o Coritiba, pela 38ª rodada do Brasileirão.