Felipe Melo e Clayson são punidos pelo STJD após confusão em Dérbi

O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) julgou nesta quinta-feira (16) o volante Felipe Melo e o atacante Clayson pela confusão entre os dois durante o clássico Corinthians x Palmeiras, pela 32ª rodada do Brasileirão. Ambos foram suspensos por uma partida pelo Tribunal.

Ivens Zanetti
Colaborador do Torcedores
Felipe Melo

Crédito: Foto: Reprodução

Nas imagens captadas no intervalo da partida na Arena Corinthians é possível ver que Felipe Melo atira uma munhequeira no adversário, depois que o mesmo também teria ‘cuspido’ no volante do Palmeiras.

A punição no entanto só começa a valer na próxima rodada. Sendo assim, Felipe Melo poderá enfrentar o Sport nesta quinta-feira (16), mas perderá a partida contra o Avaí na próxima segunda. Clayson jogou contra o Fluminense na partida que definiu o título do Brasileirão para o Corinthians e não jogará contra o Flamengo, no domingo.

Depois da confusão entre os dois, Clayson informou ao Torcedores.com que a briga entre os dois já é antiga, desde a época em que o atacante jogava pela Ponte Preta. Já Felipe Melo conta que estava conversando com o Kazim, quando Clayson passou por eles. Ele diz que não havia esquecido as provocações do corintiano no duelo anterior.

Deyverson que também podia ser suspenso acabou apenas com uma advertência e não será desfalque para o Palmeiras. O árbitro Anderson Daronco foi absolvido pelo STJD no caso onde o volante Gabriel retornou ao campo sem a autorização do gaúcho que apitou o clássico.

De acordo com Daronco, tudo não passou de um mal-entendido entre ele e o assistente que autorizou o jogador do Corinthians a voltar depois do atendimento médico.

LEIA MAIS: Veja a classificação atualizada do Brasileirão na 35ª rodada