Grohe é aplaudido no Bem, Amigos!, ganha diploma e Galvão se rende: “Fez a defesa do século”

A inacreditável defesa de Marcelo Grohe no chute do atacante Ariel, do Barcelona, no jogo de ida da semifinal da Libertadores no Equador segue rendendo frutos ao goleiro do Grêmio. Nesta segunda-feira, ele foi um dos convidados de Galvão Bueno no programa Bem, Amigos!, do SporTV, e recebeu das mãos do apresentador um “diploma” de “melhor defesa do século 21”.

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Reprodução/SporTV

“Esse merece, porque vou dizer uma coisa… a importância dessa defesa foi fundamental. O Grêmio tinha feito 1×0, fez 2×0 e vem essa jogada. Se essa bola entra, o Barcelona diminui para 2×1 e colocava fogo no jogo. Ele faz essa defesa e logo em seguida o Grêmio faz 3×0. Pronto, acabou o jogo. Foi monumental a defesa”, relembrou Galvão.

“É, seria o 2×1 ali. O estádio estava lotado, tinha bastante gente, certamente sofreríamos uma pressão grande. E logo depois da defesa o Luan fez o terceiro gol e aí praticamente liquidou a partida”, ampliou Grohe.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

O comentarista Caio Ribeiro, que nos tempos de jogador defendeu o Grêmio, em 2003, concordou com Galvão e ainda foi mais além ao pedir que fosse construída uma estátua de Grohe para eternizar a defesa.

O Grêmio já se movimenta para tornar eterno o lance de Marcelo Grohe no Equador. Segundo o próprio goleiro, o clube pediu suas luvas utilizadas no jogo em Guayaquil para colocá-las de maneira fixa no museu oficial, o que deve ocorrer ainda no final desta temporada.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Som da torcida impressiona até do lado de fora da Arena; confira

Torcedor do Grêmio vira meme, refaz ritual e embala campanha em busca do tri

Agência oferece pacotes a gremistas para o Mundial antes da final contra o Lanús