Futebol

Na mira do Palmeiras, Diogo Barbosa mostra insatisfação com diretoria do Cruzeiro

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Reprodução/ Site Oficial do Cruzeiro

O lateral-esquerdo Diogo Barbosa é um dos destaques do Cruzeiro nesta temporada e marcou um dos gols do time mineiro na vitória diante do Fluminense, neste domingo (12), pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em entrevista à Rádio Itatiaia, no entanto, o jogador mostrou uma certa insatisfação com a nova diretoria da Raposa por causa da negociação pela sua permanência na equipe para 2018.

“Se fosse um atleta que não foi bem na temporada, tudo bem, mas um atleta que se destacou, que foi campeão com o clube, que foi regular. A gente fica chateado. Uma demora para resolver a minha situação, eu não sou dono do meu passe, não sou eu que resolvo meu destino”, disse.

“Se a nova diretoria não quiser que eu fique, eu tenho que aceitar, ir em frente, seguir minha vida. Mas a minha vontade é ficar, ficaria feliz em ficar. Se querem esperar até o final do ano para resolver tudo, tudo bem. Se não resolve logo, aí vem outro e resolve. Isso me chateia demais. Não sei quem procurou, se procurou, mas estou chateado sim, muito chateado”, completou o lateral.

Em entrevista coletiva após a partida, o técnico Mano Menezes também falou sobre o assunto. “O Diogo Barbosa pode ir para casa descansado que as coisas vão se acertar e todo mundo vai ficar feliz. Menos os outros de fora (Risos)”, garantiu.

Diogo Barbosa tem contrato de empréstimo com o Cruzeiro até dezembro de 2018, mas há uma cláusula que permite a venda do jogador por 4 milhões de euros (R$ 15,14 milhões) se a equipe mineira não comprar adquirir até 31 de dezembro. E segundo informações do Lance!, o Palmeiras já demonstrou interesse na contratação do lateral.

Em entrevista ao UOL Esporte nesta semana, Itair Machado, novo vice de futebol do Cruzeiro, revelou uma reunião nesta segunda-feira (13) para acertar a permanência do jogador. “Teremos uma conversa na segunda-feira (13) para tentar um desfecho. Queremos bater o martelo”, disse. “Tem alguns clubes interessados em contar com ele, sabemos que Flamengo e Palmeiras foram atrás, mas temos a preferência na compra dos direitos e também na renovação. Pretendemos fazer valer isso na negociação”, completou.