Futebol

Opinião: A torcida merece muito mais do que o Internacional tem apresentado na Série B

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Ricardo Duarte S.C. Internacional

Com todo o respeito, a campanha que o Internacional fez nesta série B dá a condição de dizer que o time já pode se considerar na primeira divisão em 2018, mas que dá a impressão que está fazendo uma força enorme para ficar na segundona, isso está.

Desde o jogo com o Ceará, já foram pelo menos três chances de garantir o acesso de forma antecipada e fazer com que os jogos finais na segunda divisão nacional fossem apenas amistosos para observações pensando no próximo ano, mas a sequência dos jogos contra Ceará, CRB, Luverdense e Vila Nova acabou se tornando o pesadelo do torcedor, que não está tendo um ano fácil – por ver seu time jogar contra equipes que não está tão acostumado -, e ainda somar apenas três pontos em 12 possíveis, acabar sendo razão de rejeição e revolta.

Era nítido que Guto Ferreira tinha perdido o vestiário e ainda padecia de uma teimosia feroz, por insistir com Eduardo Sasha, jogador que não goza de boa avaliação com a torcida. Some-se a isso a teimosia de manter William Pottker na direita do ataque e raramente escalar D’Alessandro e Camilo juntos. Aí está uma receita de tragédia, que – senão anunciada – soa como prevista e irritante.

O jogo da próxima terça-feira (14) que tinha tudo para ser festivo, ou pelo menos mais tranqüilo, toma agora ares de obrigação de vitória, já que o rival ainda briga pelo acesso e sabe que se bater o Internacional pode ganhar um gás final para sua briga. Por outro lado, o Inter precisa lembrar que tem história, camisa, tradição e torcida. Precisa parar de achar que pode decidir os jogos a hora que quiser e deixar entrar em campo a garra que anda sumida. Ultimamente, quem tem mais jogado pelo time é a torcida, que está a um ano pagando os pecados dos erros da direção e que está no seu limite.

Inter, sua torcida está contigo, mas… Pelo amor de Deus, joguem por seus torcedores. Parem de fazer seu torcedor sofrer e conquistem logo esse acesso. É tão difícil manter a concentração por 90 minutos e sair de campo com uma vitória que atenue um pouco o humilhante e amargo ano de 2017? Sua torcida sempre estará contigo, mas honrem a camisa vermelha, coisa que alguns jogadores parecem não saber o que seja isso!