Veja quais são os esportes mais populares no Brasil e no mundo?

Reprodução:( Photo by Carsten Koall/Getty Images)

Uma forma de mostrar quanto os esportes têm pode no Brasil e no mundo, é só pesquisar quais são as maiores audiências televisivas do planeta.

Não fique espantado em saber que a final da Copa do Mundo, realizada de quatro em quatro anos, é o maior índice de espectadores do mundo, inclusive em países que não tem tradição nesse esporte, na sequência vem a abertura das Olimpíadas, que pode ser um divisor de água, pois, para muitos a abertura tem mais a ver com arte, do que com esporte.

Depois temos a entrega do Oscar, e o concurso de Miss Universo. Sentiu a força do esporte? Principalmente do futebol?

Vejam agora quais são as outras práticas que se destacam:

Futebol: O esporte inventado na Inglaterra, é o mais popular no mundo, se calcula que em todo planeta três bilhões e meio de pessoas, considera esse esporte como o mais querido, seja para quem pratica como lazer, profissionalmente ou apenas acompanha seu time. Numa pesquisa recente a Copa do Mundo é dada como o evento esportivo de maior audiência, praticamente todos os jogos são assistidos por muitas pessoas. Em segundo lugar vem a Eurocopa, na sequência a final da Champions League, ou seja, as três primeiras audiências, são do futebol, em seguida vem o Super Bowl (Futebol Americano), a Fórmula 1 e a ATP Wimbledon (torneio de tênis), o mundial de Críquete também está entre os dez mais assistidos, lembrando que a fase de mata mata da Taça Libertadores, também tem audiência boa no mundo, já a Copa América, não atrai tanto telespectador, mesmo tendo Brasil e Argentina (os dois que mais atraem espectadores em Copa, junto com Alemanha e Itália). Outro fato sobre o poder do futebol foi na Copa de 2014, entre os vinte países que mais geraram audiência, sete não estavam participando do mundial, são eles: China, Indonésia, Polônia, África do Sul, Turquia, índia e Tailândia (essas duas nações nunca disputaram uma Copa).

No Brasil e na Argentina, o futebol é o assunto que mais se conversa na hora do almoço, mas os dois países sul americanos, tem um histórico triste, são os campeões em mortes no confronto de torcidas, seguidos da Itália, esse título que já foi da Inglaterra, mas, desde 2000 a polícia britânica, controla as brigas, outros países com índices violentos são: Uruguai, Colômbia, Sérvia, Turquia, Alemanha, Rússia e Egito.

Em nosso país, entre atletas profissionais e amadores, temos 30.000.000 de praticantes, claro, que na Olimpíada de 2016, disputada no Rio de Janeiro, o futebol foi o mais procurado pelos brasileiros, tanto no estádio como na televisão.  Mesmo assim na média de público em arenas, apenas os europeus se destacam, Espanha, Alemanha, Inglaterra e Holanda, são os campeonatos com as maiores médias de público.

Futsal: é o quinto esporte mais praticado no Brasil, com 10.000.000 de adeptos, mas no restante do mundo o esporte é fraco, sendo bem jogado apenas na América do Sul. O futsal (antigamente chamado de futebol de salão) nasceu no Uruguai, mas se desenvolveu no Brasil, o Beach Soccer (futebol de areia) também é muito disputado no Brasil, com adeptos na Europa, Ásia e Oceania.

Vôlei: O segundo esporte preferido pelos brasileiros, contando com 15.000.000 de praticantes, ocupando o sexto lugar no mundo com 500.000.000 de pessoas envolvidas, em época de Olimpíadas, aqui no Brasil só perde para o futebol em termos de audiência. O país que tem a liga considerada mais forte é a Itália, o esporte tem muitos fãs no leste europeu e em países asiáticos como: Japão, China e Coreia do Sul. Aqui na América do Sul, além do Brasil, a Argentina e o Peru são adeptos a pratica, quem também merece destaque são Estados Unidos e Cuba, que já tiveram altos e baixos, tanto em mundiais como em Olimpíadas.

O Vôlei de Praia, também é muito assistido no Brasil, ficou em quarto lugar nas últimas cinco Olimpíadas, pela preferência dos brasileiros, a prática surgiu no Havaí/EUA, na década de 1920, ficou famoso no Canadá, pois, naturalistas praticavam a modalidade nus em clubes apropriados, isso na década de 1950. Hoje, Brasil e Alemanha são as duas referências no esporte, que fica ainda muito atrás do vôlei tradicional, seja na prática ou na audiência mundialmente. No interior de São Paulo, o biribol, espécie de vôlei de piscina é muito praticado, tendo inclusive campeonatos.

Tênis: No mundo, o esporte considerado elitista, tem um bilhão de adeptos, ocupando o quinto lugar na preferência mundial e tendo muita audiência televisiva. No Brasil tem menos de 2.000.000 de praticantes, não reunindo muitos espectadores, mas é a preferência de muitos idosos, que só começam a praticar na terceira idade. Já o tênis de mesa, e o terceiro esporte mais praticado no Brasil, tendo 12.000.000 de pessoas que aderem a prática, muitos de origem asiáticas, no mundo são 900.000.000 atletas e admiradores que colocam a modalidade como sétima do planeta.

No Brasil o frescobol, esporte 100% praiano, que surgiu nas praias cariocas na década de 1960, é muito popular nos litorais do país, e um jogo de tênis, com raquetes de madeira, jogado sem rede e com velocidade.

O badminton é outro esporte que usa uma raquete diferenciada, utilizando uma peteca em vez de bola, muito popular na Indonésia, único esporte onde homens e mulheres jogam juntos, em competições oficiais;  temos também o squash, que é praticado numa sala onde a bola de borracha bate numa parede, ambos esportes são poucos praticados, tanto no mundo, como no Brasil.

Natação: Ocupa a quarta posição no Brasil, obtendo 11.000.000 de praticantes, em época de Pan-americano e Olimpíadas fica com a sexta posição na procura dos brasileiros, já que mundialmente não fica nem entre os 12 mais praticados e nem assistidos, ou seja, a modalidade é muito popular em nosso país, um dos motivos é a extensão do litoral brasileiro, além disso, pessoas que praticam esportes como surf, canoagem, mergulho, são obrigadas a saber nadar, para muitos, a natação pode ser de uma grande utilidade para bombeiros, pescadores, marinheiros e salva vidas, além de ser o esporte mais completo de todos. O americano Michael Phelps em cinco olimpíadas, conquistou vinte e três medalhas de ouro, um recorde, que nenhum atleta de nenhuma modalidade conquistou.

Capoeira: O esporte mais brasileiro de todos, causa controvérsia, pois, muitos alegam ter nascido em Angola, a capoeira começou a ser desenvolvida pelos escravos, que chegaram a ser proibidos de praticar, hoje o esporte cresceu muito nos Estados Unidos, em 2014 foi considerada pela UNESCO como patrimônio cultural da humanidade, arte marcial é muito praticada nos estados da Bahia e Pernambuco, tem o seu lado artístico, inclusive se usa o berimbau para se produzir a música da capoeira. Ocupa a sexta posição da preferência dos brasileiros, apesar de ser desconhecida pelo mundo, chegou aparecer num filme de luta, onde  Van Damme é o protagonista. O esporte em nosso país é praticado por cerca de 6.000.000 de pessoas.

Skate: O esporte radical que nasceu na Califórnia/USA, sempre foi febre no Brasil, muito praticado por adolescentes, tendo ligação com moda e música (normalmente os praticantes gostam de Rock e Rap), tendo no passado uma rivalidade com os patinadores, nos anos de 1980, o Brasil chegou a ter um programa televisivo chamado Grito da Rua, que falava sobre esportes radicais e o skate era o principal assunto, já que 2.700.000 pessoas são fiéis a modalidade, fazendo com que ele tenha o maior número de adeptos no Brasil, nos Estados Unidos e na Noruega o skate também é muito popular. Em 2020 a prática passará a ser olímpica.

Surf: O Brasil tem um continente enorme, claro que o surf é destaque, praias de norte a sul, possuem amantes do esporte, que é privilégio apenas de cidades praianas, no Havaí o surf é uma religião, seguindo de Austrália, Nova Zelândia, Polinésia Francesa, França, Irlanda, Barbados, Porto Rico, Indonésia e África do Sul, países onde possui o maior número de surfistas, mas o Brasil tem 2.400.000 de praticantes, talvez o lugar onde mais se pega onda, é um esporte que em alguns países não tem como ser realizado.

Judô: O esporte japonês, já trouxe muitas medalhas para o Brasil, recebeu uma popularidade muito grande no mundo, se comentava que em Olimpíadas, apareciam atletas de todos os continentes, mas houve uma queda nos últimos anos, menos no Brasil, onde 2.200.000 são seguidores, é o nono esporte mais praticado no país, sendo um dos mais procurados pelos brasileiros em época de Olimpíadas.

Atletismo: Outro esporte muito praticado no país e em nações de origem negra, como Quênia, Jamaica e Etiópia, que dominam em competições mundiais, o jamaicano Usain Bolt ganhou oito medalhas em três olimpíadas e onze em mundiais, sendo considerado, um dos maiores atletas de todos os tempos. No Brasil 2.100.000 são apaixonados pelo esporte, outra modalidade muito assistida pelos brasileiros em competições mundiais.

Esportes mais populares do mundo

Como já foi citado, o futebol é o mais popular do planeta em todos os sentidos, já foi falado do tênis de quadra e de mesa, e do vôlei. Agora vamos aos outros esportes populares, mas que no Brasil não está entre os favoritos.

Críquete: Esse esporte é popular na Ásia (principalmente no Oriente Médio), África, Reino Unido e Austrália, chega a ter três bilhões de apaixonados, é o esporte mais popular no Paquistão e na Índia, onde no filme “Quem quer ser um Milionário” mostra essa paixão dos indianos pela modalidade, que lembra o beisebol, no Brasil ele é totalmente impopular, algumas pessoas nem imaginam o que é, dizem que chegaram a tentar introduzir no país no século XIX, segundo informações, o Taco, jogo praticado por crianças nas ruas do Brasil, nos anos de 1970 e 1980, se originou do Críquete. Mesmo com toda essa popularidade, já que o esporte está entre os mais assistidos do mundo, ele participou uma vez das Olimpíadas em 1900 na cidade de Paris, é a modalidade coletiva, mais velha do mundo, surgiu no século XVI.

Basquete: Apesar de estar em terceiro como o mais popular do mundo, tendo três bilhões de fanáticos, sendo o mais popular nos Estados Unidos, muito praticado no leste europeu, para alguns o esporte teve uma decadência com os mais jovens, o que desanima é justamente a força da NBA, onde em qualquer campeonato mundial é quase impossível derrotar os norte americanos, muitas vezes, eles mandam a seleção número quatro, como acontece nos Pan-Americanos, isso faz com que a modalidade seja vista como fraca no mundo inteiro, o campeonato americano, tem audiência muito grande no planeta, inclusive no Brasil, mas o esporte caiu muito em nosso país, a seleção masculina (ficou de fora de três olimpíadas 2000, 2004 e 2008), no feminino, nunca mais houve um destaque, lembrando que as mulheres já foram campeãs mundiais. Hoje ele não está mais entre os dez esportes mais praticados  no país, apenas muito assistido, quando tem competições mundiais.

Hockey na grama: Assim como o futebol, é um esporte de onze atletas para cada lado, famoso na Europa, Índia, Paquistão e Argentina, mas, os dois países asiáticos, não se adaptaram a nova regra, pois antes era na grama, agora é sintético, com isso, Índia e Paquistão passaram a não ganhar mais medalha, no Brasil o esporte é totalmente amador, não tem seguidores, calcula se que dois bilhões e 200 mil pessoas aderem a prática.

O hockey no gelo também possui muitos espectadores na Europa. No Brasil o hockey de patins possui certa popularidade, assim como na Itália, Portugal, Espanha, Canadá, Estados Unidos e Argentina.

Beisebol: O esporte que o Brasil tentou introduzir na década de 1960, mas não houve um resultado positivo, hoje, apenas descendentes de japoneses cultivam o esporte em terras brasileiras, o beisebol nasceu nos Estados Unidos, levando multidões aos estádios, onde cada equipe possui nove atletas, muito comum em quase todos os países da América Central, sendo a principal modalidade em Cuba e Japão, no Canadá e na Venezuela também é muito acompanhado pelo povo, na Europa a popularidade não é tão grande, mas, a Holanda é a maior detentora de títulos europeus, sendo que a Itália já foi campeã mundial. O esporte volta a ser olímpico em 2020, sendo o oitavo esporte mais apreciado no mundo, com 500.000.000 fiéis.

Fórmula 1: Esse já foi o segundo esporte mais querido pelos brasileiros, principalmente nas décadas de 1970/1980 quando Fittipaldi, Senna e Piquet, juntos ganharam oito títulos, hoje, o esporte não traz tanta audiência, muitos jovens não têm o mínimo de interesse no nosso país, apenas pessoas mais velhas, que viveram a época de ouro do Brasil, alguns acompanham, apenas o grande prêmio Brasil. Na Europa, a audiência é grande, países como: Alemanha, Inglaterra, Finlândia, Áustria, Itália, além do Japão, são os que mais aderem. A posição da Fórmula 1 e de nono lugar, com 500.000.000 fanáticos, lembrando que não é um esporte muito fácil de praticar, apenas pessoas endinheiradas, conseguem ser piloto, mesmo assim tem que praticar, corridas de categorias mais simples, como kart, antes de virar um piloto de Fórmula 1.

Rúgbi: Na Inglaterra ele é tão popular quanto o futebol, o campeonato mundial, tem muita audiência, e o esporte principal dos países Nova Zelândia, África do Sul e Austrália, aliás, a modalidade é muito praticada na Oceania, como nas Ilhas Fiji, assim como em todo Reino Unido, existe um investimento grande para o esporte se popularizar no Brasil, normalmente praticado por homens fortes, possuindo 410.000.000 de adeptos, o décimo mais popular do mundo.

Futebol Americano: Não foge muito das regras do Rúgbi, mas, com muito mais equipamento, o esporte é disputado no mundo inteiro, mas, nos Estados Unidos e México, onde existe o maior número de praticantes, outra modalidade que está se investindo muito no Brasil e Uruguai, apesar de ser o décimo primeiro na preferência mundial, com 410.000.000 de assíduos, a final do campeonato americano, chega a ser a maior audiência de esporte coletivo, depois do futebol.

Golfe: O mais elitizado dos esportes, com 380.000.000 de fiéis, os equipamentos são caros, a maioria dos adeptos são europeus e americanos, no Brasil os atletas são amadores. Tornou se esporte olímpico, ocupando a décima segunda posição. Foi inventado na Escócia.

Outros esportes no Brasil

As artes marciais cresceram muito, o MMA atrai muitos jovens, mesmo assim o taekwondo (arte marcial coreana) e o boxe (muito praticado no nordeste), possuem números significativos, lembrando que o boxe, também tem boas audiência em jogos Pan-americanos e Olimpíadas.

O handebol é o esporte mais praticado em escolas, na última Olimpíada aqui no Brasil atraiu mais audiência que o basquete,porém, a procura por jogos oficiais nas quadras, ainda é fraco.

Em termos das pessoas de classe alta, o hipismo e a vela são bem praticados. Voltando as Olimpíadas, a Ginástica Olímpica, tem muita audiência no Brasil, entretanto,  não existe uma procura tão grande na prática (perdendo para o balé clássico) o mundial de Ginástica Olímpica, também é muito assistido em nosso país.

Os números mostrados quando o assunto é mundial, envolvem atletas profissionais e amadores, pessoas que trabalham com o esporte e torcedores que assistem ao vivo, aquela modalidade.  Já quando o tópico é Brasil, envolve os praticantes, sejam amadores ou profissionais.

Você entende de esportes? Conheça a Bodog e aproveite os bônus especiais!

LEIA MAIS:
MUNDIAL DE ESPORTES AQUÁTICOS: BRASILEIRA SUPERA ADVERSIDADES E FAZ SUCESSO NA COMPETIÇÃO
HÓQUEI SOBRE A GRAMA: SAIBA TUDO SOBRE O ESPORTE QUE ESTARÁ NA RIO-2016
TENISTA QUEBRA TODAS AS RAQUETES APÓS ATAQUE DE FÚRIA; ASSISTA