São Paulo encara Chapecoense tentando manter vivo sonho da Libertadores em 2018

Twitter Oficial do São Paulo

Após passar a maior parte do Campeonato Brasileiro 2017 lutando para deixar a zona de rebaixamento, o São Paulo conseguiu uma sequência de três vitórias e agora, até sonha com a possibilidade de conquistar uma vaga na Libertadores. Mas, para manter a esperança, será essencial vencer a Chapecoense na noite de hoje, no Pacaembu.

O Brasileirão 2017 realmente muda o panorama em poucas rodadas: se a cinco rodadas atrás, o objetivo do São Paulo era tentar se afastar a temida zona de rebaixamento, agora, o Tricolor Paulista pode até sonhar com a chance de ser uma das equipes brasileiras na Libertadores do ano que vem.

No inicio desta rodada, o São Paulo ocupava a nona colocação com 43 pontos, e para se manter na briga por uma das vagas na Libertadores de 2018, precisará derrotar nesta noite no estádio do Pacaembu, a Chapecoense.

Para o jogo desta noite, o Tricolor Paulista terá que quebrar um tabu: a equipe jamais venceu a Chape jogando como mandante. Mas para conseguir os três pontos, além do desafiante tabu, o técnico Dorival Junior terá dois desfalques importantes: o meia Cueva, que está na seleção peruana, e o lateral direito Éder Militão. Shaylon e Araruna, deverão ser os substitutos.

Já na Chapecoense, o técnico Gilson Kleina tem como missão tentar manter a equipe fora do Z4, apesar de mesmo em caso de derrota desta noite, o Verdão do Oeste não corre risco de voltar para a zona da degola. O zagueiro Douglas será o unico desfalque do time catarinense nesta noite, e a tendência é que Luiz Otavio ganhe a chance no time titular.

A partida será disputada no estádio do Pacaembu, às 20h00 desta quinta-feira.

SÃO PAULO x CHAPECOENSE 

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 09 de novembro de 2017, quinta-feira
Horário: 20 horas (Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Michael Correia (RJ) e Silbert Faria Sisquim (RJ)

SÃO PAULO: Sidão; Araruna, Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Jucilei; Petros, Hernanes, Shaylon e Marcos Guilherme; Pratto. Técnico: Dorival Júnior

CHAPECOENSE: Jandrei; Apodi, Luiz Otávio, Fabricio Bruno e Reinaldo; Amaral e Moisés Ribeiro; Luiz Antonio, Canteros e Arthur Caike; Wellington Paulista. Técnico: Gilson Kleina