Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

De saída, promessa do Cruzeiro explica porque não deu certo no clube

O volante Eurico era uma das principais apostas da base do Cruzeiro nos últimos anos, o jogador era tratado como um daqueles que poderiam ganhar destaque e dar retorno ao clube, porém, os anos passaram e o volante não conseguiu se firmar na Raposa e nem em nenhuma equipe em que foi emprestado. Em entrevista ao GloboEsporte.com o jogador falou sobre sua saída do time mineiro, que acontece agora em dezembro, já que venceu seu contrato com o clube.

Eduardo Suguiyama
Eduardo Suguiyama é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado).

Crédito: Pedro Vilela/Light Press

Eurico era um jovem que atuava em um bom time do Cruzeiro sub-20, que na época tinha nomes como o zagueiro Wallace (atualmente na Lazio-ITA), o lateral-direito Mayke (Palmeiras), o lateral-esquerdo Vinícius Freitas (AEK-GRE), o volante Bruno Ramires (Moreirense-POR), e os atacantes Alisson (Cruzeiro), Pedro Paulo (Lampang-TAI) e Vinícius Araújo (Zaragoza-ESP).

Porém, quando subiu para o time principal em 2014 não conseguiu uma boa sequência de jogos, já que a Raposa brigava pelo título Brasileiro e tinha grandes nomes como volantes: Lucas Silva, Henrique e Nilton, o que dificultava para o garoto ganhar chances.

“Como eu estava subindo da base, e o time estava muito bem, para mim, faltou um pouco mais de oportunidades. Até mesmo porque, quem estava jogando, dificilmente saia. Acho que faltou chances, que não tinha naquela época”, disse ao GloboEsporte.com.

Sem chances no Cruzeiro, Eurico acabou emprestado para clubes de menores expressão como: Ponte Preta, Náutico, Botafogo-SP e Paysandu, mas também não se firmou em nenhum deles.

Agora, sem clube e livre no mercado, o volante de 23 anos ainda não tem futuro definido para a temporada de 2018.

LEIA MAIS:
AGENTE DE HUDSON DÁ PRAZO FINAL PARA O CRUZEIRO ACERTAR COMPRA DO VOLANTE