Futebol

Gallo fala sobre a possibilidade de novos reforços no Atlético-MG

Publicado às

Estudante do 9º semestre de jornalismo e amante dos esportes, principalmente o bom e velho futebol. Setorista de Atlético-MG e Futebol Feminino.

Gallo Atlético-MG

Crédito: Gallo será o responsável pelo futebol do Atlético no triênio 2018-2020. (Foto: Bruno Cantini/Atlético)

O Atlético-MG é um dos clubes brasileiros que mais está se movimentando no Mercado da Bola neste final de ano. Após a eleição da nova diretoria, que aconteceu no dia 11, cinco contratações já foram confirmadas. Do Palmeiras chegaram o volante Arouca e os atacantes Erik e Róger Guedes. O lateral-direito Samuel Xavier veio do Sport. Já do Santos, o jogador a desembarcar em Belo Horizonte foi o centroavante Ricardo Oliveira. Apesar dos nomes já oficializados, o clube ainda está atento a oportunidades de negociações.

Em entrevista à TV Galo, canal oficial do clube no Youtube, o diretor de futebol Alexandre Gallo, figura de confiança do presidente Sérgio Sette Câmara e responsável pelas contrações, abriu a possibilidade de novos reforços chegarem em breve. O ex-treinador também explicou as escolhas por jogadores experientes em meio à uma política de rejuvenescimento do elenco.

“Podem acontecer (novas contratações). O Atlético não é diferente de qualquer outra equipe no Brasil, quer se reforçar. É um ano de ajustes nossos. É importante que a gente coloque para a torcida. Mas, mesmo sendo um ano de ajustes, a criatividade tem que estar em primeiro plano. E a criatividade passa efetivamente por você fazer algumas ações dentro do mercado da bola, em que você consiga qualificar sua equipe e baixar esse custo nosso, que vinha sendo um pouco fora da nossa realidade”, afirmou.

Durante a primeira coletiva concedida, a nova direção atleticana frisou que vai em busca de readequação financeira e um grupo de jogadores mais jovens. Até o momento, não foi preciso gastar dinheiro para contratações. O único que não acertou contrato de empréstimo foi Ricardo Oliveira, que estava de saída do Santos.

Ricardo Oliveira Santos Atlético-MG
Ricardo Oliveira será o substituto de Fred em 2018 (Foto: Divulgação/Santos)

No entanto, o próprio novo camisa 9 (foto), assim como o volante Arouca, já com 31 e 37 anos, respectivamente, vão na contramão do citado rejuvenescimento. Gallo, que destacou o novo perfil visado para o time, elogiou os dois jogadores e deu explicações sobre o tema.

“Estamos querendo dar uma cara um pouco mais rápida para a equipe, uma equipe com um pouco mais de jovialidade, apesar da vinda do Ricardo Oliveira, que hoje é um jogador extremamente forte fisicamente e fisiologicamente. Um atleta hoje que está além da sua idade e tem um desempenho muito bom. O Arouca é a mesma coisa. Levantamos tudo, absolutamente tudo sobre todos os atletas que vieram, desde a questão extra-campo até as questões fisiológicas, físicas, técnicas, a quantidade de jogos, a minutagem durante o ano. A gente está muito consciente de tudo o que a gente está trazendo para o Atlético”, disse

fred e robinho atlético-mg
Fred já deixou o clube e Robinho não deve renovar seu contrato. (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

Com relação a readequação financeira, o Atlético-MG já acertou a saída do experiente Fred, que retornou ao Cruzeiro, e não deve mesmo renovar com o camisa 7 Robinho. Ontem, 27, o lateral-direito Marcos Rocha deixou o clube rumo ao Palmeiras, em uma negociação que envolveu a chegada de Róger Guedes à Cidade do GaloAlém disso, outros jogadores, como Rafael Moura e Marlone, ficaram sem contratos e deixaram a equipe.

“(A torcida pode esperar) Muito trabalho, muita luta. Desejo tudo de melhor para todos os torcedores do Atlético, um clube que a gente tem no coração, guardado. E a gente está fazendo o máximo possível dentro das nossas condições e com muita criatividade, para que a gente melhore em todas as questões. Na questão financeira, em função desse ano ser um ano de ajuste, mas principalmente qualificando a nossa equipe para buscar conquistas. E esse é o nosso trabalho. O Sérgio (Sette Câmara, presidente do Atlético) já pautou, desde a sua entrada, a nossa primeira reunião, que nós viemos aqui para conquistar. E essa é a ideia. Sem dúvida, é montar um time forte para dar condição ao Oswaldo (de Oliveira, técnico) poder fazer um bom trabalho. Efetivamente, a conquista, naturalmente, vai acabar vindo”, comentou.

Assista a entrevista COMPLETA com o diretor de futebol atleticano!

LEIA MAIS NOTÍCIAS RELACIONADAS AO ATLÉTICO-MG:

MERCADO DA BOLA: AGENTE ACREDITA NA PERMANÊNCIA DE FÁBIO SANTOS
MERCADO DA BOLA: MAIS DOIS JOVENS JOGADORES DA BASE SÃO EMPRESTADOS
TROCA ENTRE RÓGER GUEDES E MARCOS ROCHA É CONFIRMADA