Garantido no Grêmio, Renato admite: “Qual treinador não gostaria de treinar o Flamengo?”

Um dos responsáveis pela retomada de títulos do Grêmio, com a Copa do Brasil de 2016 e a Libertadores de 2017, Renato Gaúcho está garantido por mais uma temporada no tricolor gaúcho. Na última semana, ele acertou oficialmente a renovação por mais um ano. Mas, se tivesse que trocar de casa, o técnico não deixa muitas dúvidas sobre onde gostaria de trabalhar.

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Reprodução/YouTube

Apaixonado pelo Rio de Janeiro, onde mantém residência, Renato não esconde o desejo de um dia trabalhar no Flamengo. Em entrevista concedida à reportagem do Esporte Interativo, nesta quarta-feira, antes do Jogo das Estrelas no Maracanã, ele falou sobre essa vontade e ainda revelou um convite da diretoria rubro-negra no meio da temporada de 2017.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Teve uma procura do Flamengo há uns quatro meses, no momento que eu estava muito envolvido com o meu grupo na Libertadores, na Copa do Brasil e no Brasileirão. Impossível eu sair naquele momento. Agora no final do ano não. O Grêmio em momento algum deixou de me procurar. Nós conversamos bastante, demorou um pouco e chegamos a um acerto”, destacou, sobre a renovação de contrato com o time gaúcho.

Em seguida, o ex-jogador e ídolo dos gremistas largou uma frase de efeito envolvendo o Flamengo e deu pistas sobre um futuro a longo prazo. Vale lembrar que Renato defendeu o Fla em mais de uma ocasião no seu período de atleta.

“Acho que não é só o Renato. Qual treinador que não gostaria de treinar o Flamengo? Mas o meu dia como treinador do Flamengo vai chegar”, prometeu.

Apesar de sondagens de seleções como as do Chile e da Colômbia, Reinaldo Rueda por enquanto segue como treinador do Flamengo. Já Renato Gaúcho curte as férias e só se reapresenta ao Grêmio no dia 18 de janeiro.

LEIA MAIS:

Direção volta a falar sobre Anderson e praticamente descarta nova chance

Galvão diz que gol de Gabiru foi “improvável” e leva bronca de Perdigão: “Zé ruela”

Colorados não perdoam derrota do Grêmio para o Real Madrid e cornetam: “Não deu”