Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

8 jogadores que cometeram gafes em apresentações no novo clube

O zagueiro Paulo Miranda foi apresentado oficialmente como novo reforço do Grêmio nesta segunda-feira (08). No entanto, justamente em sua primeira entrevista, o defensor cometeu uma verdadeira gafe ao trocar os nomes e confundir o tricolor com seu maior rival, o Internacional, e afirmar que o Colorado possui uma das melhores defesas do mundo.

Luiz Felipe Longo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Foto: Divulgação/Grêmio

Dentro do futebol, equívocos como esse são bastante comuns. Por isso, o Torcedores.com separou lista com jogadores que também erraram durante apresentação nas equipes que estavam chegando. Você pode conferir cada um deles logo abaixo.

1) Amoroso (Corinthians) – Ao ser contratado em 2006, o atacante confundiu o nome do alvinegro com o maior rival Palmeiras e chamou de “Sociedade Esportiva Corinthians”. Se não bastasse, ele ainda afirmou que era necessário “matar um leão a cada domingo”. Nada demais se o técnico corintiano não fosse Emerson Leão.

2) Gustavo Nery (Corinthians e Internacional) – O lateral cometeu gafes nas apresentações por dois clubes diferentes. Primeiro, em 2005, ao chegar ao Corinthians e confundir o time com o São Paulo, chamando-o de “Corinthians Futebol Clube”. A outra em 2008, no Internacional, disse: “É uma satisfação muito grande chegar a Porto Alegre, fico muito feliz com o acerto com o Grêmio, para depois corrigir rapidamente o equívoco.

3) Serginho (Vitória) – Revelado no Santos, o meio campista foi emprestado ao Vitória para ganhar experiência. Em sua chegada ao rubro-negro baiano, trocou o nome do time pelo maior rival e depois tentou corrigir o erro. “Vou chegar aqui no Bahia para ajudar o grupo… No Vitória. O que eu ia falar do Bahia é que o único gol que tenho é contra o Bahia. Espero chegar no Vitória e fazer muitos gols”

4) Tiago (Bahia) – Em caminho inverso ao de Serginho, o zagueiro Tiago fez confusão quando era apresentado no Bahia e chamou o clube pelo nome do rival Vitória. “Se Deus quiser vamos conseguir colocar o Vitória… Opa! Bahia na Série A”, arrancando risada dos jornalistas que estavam presentes.

5) Felipe (Fluminense) – Contratado para ser o camisa 10 do tricolor carioca, o meia foi questionado a respeito das contratações de Preto Casagrande e Fabiano Eller, o que o fez cometer um deslize. “Independentemente dos novos reforços, acho que o Flamengo está fortalecido… desculpe, o Fluminense está fortalecido e acredito que vamos fazer um belo Estadual. Desculpe, isso acontece”.

6) Jefferson (Sporting) – Na chegada ao Sporting de Lisboa, em 2015, o lateral cometeu uma gafe, mas não por conta de alguma palavra que tenha dito. E sim por ter supostamente soltado um pum durante a coletiva quando estava ao lado do presidente do clube português.

7) Thiago Neves (Fluminense) – Após se destacar pelo clube em 2008, retornou por empréstimo no ano seguinte depois de passagem apagada pela Europa e deu frase polêmica na chegada. “Acho que estou dando um passo para trás agora para depois poder dar dois passos à frente. É essa a minha intenção”.

8) Paulão (São Paulo) – Assim como Jefferson, a gafe do zagueiro não está relacionada a algo que tenha sido dito por ele. O defensor simplesmente desmaiou durante sua apresentação no São Paulo, em 1999. A justificativa dada por ele é que estava há dez horas sem comer e tinha passado por exames médicos.

LEIA MAIS:
NOVO REFORÇO DO GRÊMIO COMETE GAFE: “O INTER TEM UMA DAS MELHORES DEFESAS DO MUNDO”
DIRIGENTE DO GRÊMIO AMENIZA GAFE DE NOVO ZAGUEIRO: “ESTÁ PENSANDO NO GRE-NAL”
EX-ATACANTE DO GRÊMIO FAZ SUCESSO NA AUSTRÁLIA E DIZ QUE QUER CONTINUAR NO PAÍS