Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Lenda americana do automobilismo mundial, Dan Gurney morre aos 86 anos

Faleceu neste domingo (14/01), um dos grandes nomes do automobilismo mundial: o norte americano Dan Gurney, que conquistou vitórias na F1, Le Mans e Nascar, faleceu aos 86 anos, após complicações causadas por uma pneumonia.

Rodrigo Nascimento dos Santos
Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução/Twitter

O automobilismo mundial perdeu na noite deste último domingo (14/01), uma de suas grandes lendas: o americano Dan Gurney, que faleceu aos 86 anos, vítima de complicações devido a uma pneumonia. A notícia foi confirmada através de um comunicado emitido pela família:

“Com um último sorriso em sua bela face, Dan guiou rumo ao desconhecido pouco depois do meio-dia de hoje, 14 de janeiro de 2018. Com o pesar mais profundo, com gratidão em nossos corações pelo amor e alegria que você nos deu durante sua passagem pela terra, nós dizemos adeus.”

Dan Gurney nasceu em Nova York, e fez a sua estreia na F1 em 1959, no GP da França. Na prova seguinte, na Alemanha, conquistou o seu primeiro pódio na categoria. Ao todo, disputou 86 corridas, das quais conquistou quatro vitórias, sendo que duas delas merecem destaque: o GP da França de 1964, que marcou a primeira vitória da equipe Brabham na F1, e a vitória em Spa-Francorchamps em 1967, correndo pela sua própria equipe, a All American Racing, que naquela oportunidade, usou o nome de Eagle.

Foi também em 1967 que Dan Gurney venceu as 24 Horas de Le Mans ao lado de AJ Foyt, correndo pela Ford. Nos dois anos seguintes, ficou em segundo lugar nas 500 Milhas de Indianapolis. A lenda do automobilismo norte americano também triunfou na Nascar, onde venceu cinco vezes em Riverdale, na Califórnia.

Além das vitórias, Gurney também deixou outras marcas no automobilismo, como sendo o primeiro piloto a comemorar uma vitória estourando uma champagne no pódio, ao vencer em Le Mans, e o primeiro a usar um capacete todo fechado, da forma como conhecemos atualmente, em 1968. Foi o responsável pela criação do item aerodinâmico na Indy chamado de Gurney flap.

O funeral de Dan Gurney será privado, de acordo com os desejos do ex-piloto.

LEIA MAIS:
F1: CHEFE DA HAAS DESPERTA IRA DE PILOTOS NORTE-AMERICANOS E É ALVO DE CRÍTICAS
FÓRMULA E 2017-18: CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA APÓS O E-PRIX DE MARRAKESH