Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

UFC 220: Confira TODOS os resultados do card preliminar

O UFC 220 está sendo realizado neste sábado (20) em Boston (EUA). Com defesas de cinturão nos pesos-pesados (Stipe Miocic x Francis Ngannou) e meio-pesados (Daniel Cormier x Volkan Oezdemir), o primeiro card ‘numerado’ de 2018 é a atração da noite

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Crédito da foto: Reprodução/Facebook

No card preliminar, dois brasileiros foram atração, Alexandre Pantoja e Gleison Tibau. Pantoja até tentou a finalização no começo de sua luta conta Dustin Ortiz, mas o americano conseguiu resistir e se mostrou mais preciso em suas chances. Ortiz venceu a luta na decisão dos jurados.

Tibau abriu o card preliminar, mas nem sobreviveu ao primeiro minuto de luta. Um soco certeiro do russo Islam Makahchev foi o necessário para derrubar o brasileiro, que voltava depois de dois anos suspenso por doping.  E lhe dar a vitória por nocaute.

O Torcedores.com mostra TODOS os resultados do card preliminar. E ainda nesta noite você confere por aqui tudo o que aconteceu no card principal do UFC 220.

 

Resultados card preliminar UFC 220 – Miocic vs. Ngannou

LEIA 

Kyle Bochniak (EUA) venceu Brandon Davis (EUA) na decisão unânime dos jurados (duplo 29-28 e 30-27)

Abdul Razak Alhassan (GAN) venceu Sabah Homasi (EUA) por nocaute (primeiro round, 3:47)

Dustin Ortiz (EUA) venceu Alexandre Pantoja (BRA) por decisão unânime dos jurados (triplo 29-28)

Julio Arce (EUA) venceu Dan Ige (EUA) por decisão unânime dos jurados (duplo 30-27 e 29-28)

Enrique Barzola (PER) venceu Matt Bessette (EUA) por decisão unânime dos jurados (duplo 29-28 e 30-27)

Islam Makhachev (RUS) venceu Gleison Tibau (BRA) por nocaute (primeiro round, 0:57)

 

LEIA MAIS

LUTADOR DO UFC É SUSPENSO POR QUATRO ANOS POR DOPING

LUTADOR DO UFC FALA SOBRE ATAQUE CARDÍACO EM CORTE DE PESO: “SE CONTINUASSE, MORRERIA”

(Crédito da foto: Reprodução/Facebook)