Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Ferroviária bate o Santo André, vence a primeira em casa e se distancia do rebaixamento

Na noite desta quarta-feira, a Ferroviária recebeu o Santo André no estádio da Fonte Luminosa, venceu por 2 a 1, pela sétima rodada do Paulistão.

Rafael Zocco
Colaborador do Torcedores

Crédito: Betão Boschiero / Assessoria Ferroviária

Com o resultado, a Ferrinha quebrou um jejum que durava desde o dia 28 de outubro do ano passado, quando ganhou do Santos pela Copa Paulista. De quebra, garantiu a sua primeira vitória em casa na competição.

Os gols da partida foram marcados todos na primeira etapa. Moacir e Hygor marcaram para os donos da casa, e Lincom descontou para os visitantes.

Na próxima rodada, a Ferroviária enfrentará o São Caetano, sábado, às 19h, no estádio Anacleto Campanella, enquanto o Santo André recebe a equipe do Bragantino, às 16h30, no estádio Bruno José Daniel.

O JOGO

Ferroviária e Santo André lutam para sair das últimas posições da tabela. A Ferrinha vem de um empate diante do Santos e a equipe do ABC de um triunfo sobre a equipe do Corinthians. O jogo em Araraquara começou disputado, com as duas equipes buscando o campo de ataque.

Logo aos 2 minutos, o Santo André criou a primeira chance de gol depois de cobrança de falta ensaiada. Paulinho rolou na área, Hugo Cabral passou pela bola, que chegou até Joãozinho, mas Luan chegou afastando o perigo para escanteio.

Depois do susto, a Locomotiva partiu para o ataque. Aos 12 minutos, Hygor é lançado pelo lado direito e chuta cruzado. Neneca se estica todo e afasta o perigo.

Dois minutos depois, nova resposta grená. Após cruzamento, a zaga do Ramalhão afasta mal e a bola fica com Welinto Jr. O atacante chuta forte de fora da área, mas a bola saiu pelo lado esquerdo de Neneca.

O domínio da Ferroviária era grande e o gol viria aos 17 minutos. Welinton Jr. recebeu na esquerda e cruzou para área. Moacir, livre de marcação, cabeceia a bola no canto esquerdo de Neneca para inaugurar o placar: 1 a 0.

Com a vantagem no placar, o Ramalhão saiu mais para o jogo, explorando mais os espaços na saída de bola, enquanto a Ferroviária jogava na defensiva, administrando o placar, mas com muitos erros defensivamente.

Aos 31 minutos, o Santo André chegava ao empate. Após cobrança de escanteio de Joãozinho, Lincom se desvencilhou da marcação e cabeceou firme, no canto esquerdo de Tadeu, que nada pode fazer: 1 a 1.

Após o gol de empate, foi à vez do Santo André se recuar e a Locomotiva partir pra cima. O time da casa não demorou muito para ficar novamente a frente do placar.

Aos 38 minutos, Velicka carrega a bola desde o campo de defesa e lança Hygor pelo lado esquerdo. O atacante invade a área e chuta cruzado para o gol. Neneca apenas observou a bola balançando as redes: 2 a 1.

Com a vatangem, os papeis se invertem novamente e, no contra-ataque, quase a Ferrinha ampliou placar na Fonte Luminosa. Moacir rouba a bola de Sueliton no campo de defesa e lança para Léo Castro. O atacante invade a área, finta a marcação, mas chuta em cima de Neneca, que espalma, mas a zaga do Ramalhão afasta o perigo logo em seguida.

No minuto seguinte, o Santo André quase chegou ao gol de empate. Em nova cobrança de escanteio de Joãozinho, a bola chega rasteira e Moacir quase marca gol contra. Tadeu, ligado, afastou o perigo.

Na segunda etapa, as duas equipes diminuíram o ritmo que apresentaram no primeiro tempo. O treinador do Santo André, Sérgio Soares, voltou com uma mudança na equipe que começou o jogo, sacando o lateral-direito Jonathan Bocão, colocando o atacante Aloísio em seu lugar.

Mesmo com a mexida, o Ramalhão pecava nos passes e não chegava com perigo no campo de defesa da Ferroviária. Já o time da casa não conseguia trabalhar a bola no campo de ataque, fazendo um jogo mais cadenciado.

Na maioria da etapa complementar, a Ferroviária se segurava e o Santo André tentava o gol do empate. O único lance de perigo aconteceu aos 47 minutos. Fábio Souza tocou para a chegada de Hygor pela direita. O atacante cruzou para João Paulo, que chutou, mas Domingos tirou de carrinho, o que poderia ser o terceiro da Locomotiva.

FICHA TÉCNICA

FERROVIÁRIA 2X1 SANTO ANDRÉ
Local: Estádio da Fonte Luminosa/Araraquara
Data/horário: Quarta-feira, 14 de fevereiro, 19h30
Arbitragem: Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo, auxiliado por Luiz Alberto Andrini Nogueira e Alberto Poletto Masseira
Público: 3.568 pagantes
Renda: R$ 21.850,00 reais
Cartões amarelos: Velicka e Fábio Souza (Ferroviária); Flávio (Santo André)
Gols: Moacir (18′ do 1T) e Hygor (37′ do 1T) para a Ferroviária; Lincom (31′ do 1T)

FERROVIÁRIA – Tadeu; Alisson, Patrick, Luan e Velicka; Bruno Silva, Moacir, Évlis (Fábio Souza) e Hygor; Welinton Jr. (João Paulo) e Léo Castro (Eliandro). Técnico: PC Oliveira.

SANTO ANDRÉ – Neneca; Jonathan Bocão (Aloísio), Domingos, Suélinton e Paulinho; Flávio, Dudu Vieira, Hugo Cabral e Tinga (Matheus Santiago); Lincom e Joãozinho (Guilherme Garré). Técnico: Sérgio Soares.