Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Cinco motivos para você assistir aos Jogos Olímpicos de Inverno

Recém descobertos pelos brasileiros, a edição de PyeongChang (Coreia do Sul) dos Jogos Olímpicos de Inverno começam nessa quinta feira. Para quem pensa que esse evento é apenas para os países gelados e que não fazem parte da cultura brasileira deveria pensar duas vezes e olhar com mais atenção aos 18 dias de competições. Veja aqui cinco motivos para você se levantar de madrugada e espiar um pouco as provas.

Andre Nascimento Donati
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Foto: Twitter oficial do COI

1- Toda a rivalidade do hóquei no gelo

Um dos esportes mais esperados quando se trata de Jogos Olímpicos de Inverno, o hóquei no gelo terá um clássico logo na primeira fase: entre Suécia e Finlândia, que estão no grupo C e se enfrentarão no dia 18. Para entender a comparação, é como se Brasil e Argentina se encontrassem  logo na primeira fase do torneio olímpico de futebol. Além disso, também ocorre a possibilidade  de um encontro entre Canadá e Estados Unidos, outra rivalidade histórica, que chegou até a decidir o ouro olímpico em 2010; e também a entre República Tcheca e Rússia, que existe desde os tempos da Guerra Fria. Os jogadores russos não vão competir com a bandeira do país, mas o sentimento não mudou.

2- Curling, o “xadrez no gelo”

Um dos esportes que mais chamou a atenção dos brasileiros foi o curling, um esporte  bastante estratégico onde os jogadores frequentemente se cumprimentam e onde casa jogada é um momento tenso. Para essa edição, entrou a disputa de duplas mistas  (um homem e uma mulher). Fique de olho no Canadá,que tem Marc Kennedy e Ben Hebert, medalhistas de ouro em Vancouver-2010; e também na Suécia e na Dinamarca. E o mesmo vale para a competição feminina e a de duplas.

3- Toda a beleza da patinação artística

A patinação artística costuma esgotar todos os ingressos quando são vendidos. A beleza das apresentações, sejam elas sozinhas ou em duplas sempre atraem a multidão, que lamenta quando o atleta cai e aplaude quando ele finaliza a sua apresentação. E os brasileiros terão alguém para apoiar nessa disputa: Isadora Williams, que participará da prova feminina e se apresentará no dia 21 de fevereiro

4- Velocidade pura

Para quem gosta de velocidade, existem as provas de patinação de velocidade, onde os atletas lutam pelo melhor tempo (olho na Holanda) e a patinação de velocidade em pista curta, onde a disputa é direta (aqui fique atento aos donos da casa). Não´e veloz o suficiente? Então que tal descer uma rampa de gelo a toda velocidade? É basicamente a descrição do luge (onde os participantes vão deitados; skeleton (onde os atletas vão de bruços e suam capacetes); e o bobslead, o famoso trenó, que vai ter participação brasileira. Na prova feminina, terá a ilustre participação da Jamaica, famosa pelo filme “Jamaica Abaixo de Zero”

5- Manobras radicais

As provas de snowboard são uma atração para quem gosta de esportes radicais. Uma das provas é o halfpipe, disputada numa pista que lembra muito as de skate, onde se veem grandes manobras. Outra prova para assistir é o snowboard cross, que tem participação da experiente brasileira Isabel Clark, dona do melhor resultado de um sul-americano nos Jogos Olímpicos de Inverno (nono lugar em Turim-2006).