Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Ingo Hoffmann mantém projeto de auxilio a crianças na luta contra o câncer; confira

Maior campeão do automobilismo nacional, Ingo Hoffmann fundou em 2005 um instituto que ajuda crianças no tratamento contra o câncer e seus familiares, em Campinas. Conheça um pouco mais sobre o projeto.

Rodrigo Nascimento dos Santos
Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito da foto: Aline Bassi/Balaio das Ideias

Ingo Hoffmann é um dos maiores nomes do automobilismo brasileiro: sua carreira teve inicio em 1972, com passagem na F1 durante os anos de 1976 e 1977 pela equipe Copersucar, dos irmãos Fittipaldi.

Porém, foi na Stock Car que Ingo Hoffmann se consagrou, conquistando 12 títulos entre 1979 e 2008, se tornando o maior campeão do automobilismo nacional. Além dos títulos, foram 76 vitórias e 60 poles position.

Hoffmann também se aventurou nas provas de rali, sendo vice campeão em 2004 da maior prova de off-road do automobilismo da América Latina: o Rally dos Sertões, além do bicampeonato do Brasileiro de Rally Cross em 2005 e 2006.

Foi neste período, mais precisamente em 2005, que o grande campeão nacional fundou o Instituto Ingo Hoffman ao lado do amigo e ex-piloto Guto Negrão, uma entidade beneficente sem fins lucrativos com a missão de oferecer mais conforto e qualidade de vida às crianças em tratamento do câncer e seus familiares.

Localizado na cidade de Campinas, no interior do estado de São Paulo, o Instituto Ingo Hoffmann conta com uma parceria com o Centro Infantil Boldrini, hospital referência mundial no tratamento do câncer infantil.

E essa parceria é responsável pelo projeto Casa da Criança e da Família, que abriga crianças em tratamento intensivo e que não tem condições de serem mantidas por suas famílias fora de suas casas.

Outro projeto do Instituto Ingo Hoffmann é o Famílias do Instituto em Ação, no qual o instituto abriga crianças e seus familiares durante o tratamento do câncer, oferecendo a instalação, alimentação, transporte, biblioteca, reforço escolar e psicológico, além da oportunidade da prática esportiva, respeitando as limitações por conta da doença .

De acordo com a professora de Educação Física, Jéssica Deraco, as atividades realizadas no instituto ajudam as crianças e os pais a lidarem com as limitações impostas por conta do tratamento contra o câncer:

“Aqui na brinquedoteca, trabalhamos com a parte de recreação com algumas atividades, brincadeiras, e alguns jogos, como os de tabuleiro, alguns jogos de carta, tudo relacionado com o que eles podem fazer, com pouca atividade física, priorizando aqueles que eles podem participar com o mínimo de esforço possível.”

“Enquanto isso, os acompanhantes ficam na academia, onde realizam atividades físicas e exercícios, como musculação, alongamento, caminhadas”, completou Jessica Deraco.

Já o idealizador do projeto Famílias do Instituto em Ação, Juraci Moreira, agradece os patrocinadores que contribuem com o projeto de auxilio as crianças e seus familiares, e a lei de incentivo ao esporte:

“Se não fosse a lei de incentivo ao esporte, esse projeto não estaria acontecendo. Nós só temos que agradecer a lei e aos nossos patrocinadores, que possibilitam que tudo isso aconteça.”

Para os interessados em conhecer um pouco mais do Projeto Famílias do Instituto em Ação, basta clicar no link a seguir. Também é possível ajudar o projeto com doações, que podem ser realizadas através de depósitos ou do PayPal (clique aqui para ir ao site do Instituto Ingo Hoffmann).