Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Martine Grael e Kahena Kunze treinam de 49erFx em intervalo da Volvo Ocean Race

A campeã olímpica Martine Grael irá se juntar a sua parceira Kahena Kunze para treinamento em Auckland, na Nova Zelândia, destino final da sexta etapa da Volvo Ocean Race.

Flávio Perez
Colaborador do Torcedores

Crédito: Leg 4, Melbourne to Hong Kong, arrivals. 20 January, 2018.

A dupla, que ficou com o ouro na Rio 2016 na classe 49erFX, já anunciou participação em Tóquio 2020 na mesma categoria.

A brasileira Martine Grael está nesse momento velejando com o team AkzoNobel na perna entre Hong Kong e Auckland.

Ela é a única no país na edição 2017-18 da Volta ao Mundo.

A ideia inicial da timoneira era perder algumas etapas da Volvo Ocean Race para correr de 49erFX, mas até agora ela participou de todas.

”Estou bem animada para essa etapa. Eu vou chegar lá e voltar para a água direto. A Kahena vai pra lá e a gente vai dar uma recuperada no que perdemos nos últimos meses que estive envolvida com esse projeto”.

”Vai ser bom colocar agilidade e timonear um pouco. Mas vou dar uma descasada também!”, disse Martine Grael.

A sexta etapa da Volvo Ocean Race tem ao todo 6.100 milhas náuticas. O AkzoNobel é o sexto no geral e o líder é o espanhol MAPFRE.

”Eu adoro a Nova Zelândia, tem muitas coisas para fazer ao ar livre. Morei lá quase dois anos”, disse a atleta.

A atleta chegou a dizer antes da largada da Volvo Ocean Race que perderia algumas etapas, mas a direção do AkzoNobel pediu sua continuação.

”Desde o começo da regata eu queria fazer a regata inteira, mas me dei conta de que é muito puxado, então eu tinha pensado em tirar algumas pernas, mas o time pediu para eu entrar de volta, então, acho que eu vou fazer até o final, vou até onde der, até onde não der mais”.

Depois de Auckland, a Volvo Ocean Race parte para Itajaí, em Santa Catarina. Se não ocorrer nenhum problema de contusão, Martine certamente estará na etapa pelos mares do sul rumo ao Brasil.

LEIA MAIS:
Cinco motivos para você assistir os Jogos Olímpicos de Inverno
Futuros campeões do triathlon recebem doações de bicicletas no Paraná