Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Em boa fase, ex-zagueiro do Palmeiras conta que já foi treinar de bicicleta na Suíça

Revelação das categorias de base do Palmeiras. zagueiro Nathan está em alta no futebol suíço. Defendendo as cores do Servette, da segunda divisão, o defensor entrou na seleção da competição nacional. Em entrevista exclusiva ao Torcedores.com, o jogador falou do novo momento na carreira e revelou que se surpreendeu com a facilidade do transporte até os treinamentos. 

Dayvidson Soares
Jornalista, com passagens por Globoesporte.com, Lance! (Craque do Futuro) e Jornal Gazeta de Alagoas. Apaixonado por futebol e boas histórias.

Crédito: Foto: Servette /Divulgação

“Aqui é muito fácil o transporte público. Algumas vezes fui treinar de bicicleta, porque aqui esse tipo de transporte tem prioridade. A bicicleta é um dos transportes mais utilizados, então tem bastante preferência. Aqui tudo é preparado com ciclovias e tudo mais”, contou Nathan.

Não é normal um jogador ir treinar de bicicleta no Brasil, até por causa do fanatismo dos torcedores dos clubes brasileiros – cenário bem diferente da Suíça – “A torcida por aqui é bem tranquila. As vezes pedem para tirar algumas fotos, mas nada além disso”, disse o zagueiro.

Sucesso no futebol da Suíça

A adaptação de Nathan no Servette foi rápida. Ele chegou ao clube em agosto do ano passado, emprestado pelo Palmeiras, e logo conquistou a titularidade no clube. Em menos de seis meses venceu o SFL Award Night, que premiou os melhores jogadores do futebol suíço em 2017.

“A adaptação foi melhor do que eu imaginava. Consegui me adaptar rapidamente e me firmar de titular logo que cheguei. Então desde aí adquiri mais confiança e ritmo de jogo e parece que tudo flui mais fácil. Graças a Deus estou tendo uma temporada boa aqui”, descreveu o brasileiro.

O zagueiro, que antes de chegar ao Servette estava na Chapecoense, também destacou a fase artilheira que vive: “No campeonato eu tenho três gols. Eu estou vivendo uma grande fase na minha vida, graças a Deus! Estou jogando todos os jogos de titular e com isso vem a confiança. Creio que tudo isso junto, além dos treinos puxados, faz com que os gols venham a acontecer naturalmente”.

Histórico do zagueiro 

Nathan teve a primeira oportunidade do time profissional do Palmeiras em 2014, quando conquistou seu espaço e ajudou o clube a se livrar do rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. Naquele ano, o time alviverde ficou na 16ª colocação na competição nacional.

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

Foto: Cesar Greco / Ag. Palmeiras/ Divulgação

No ano seguinte, o zagueiro perdeu espaço e passou a ser emprestado pelo Palmeiras. Antes de chegar ao Servette, ele defendeu as cores de Criciúma e Chapecoense.

LEIA MAIS: 

Elenco do Palmeiras disputou mais de 400 jogos na Libertadores; veja que jogadores mais atuaram

Artilheiro do Palmeiras, Borja celebra confiança e busca vida longa no Palmeiras: “Não quero sair”

Atacante relembra parceria com Gabriel Jesus na base do Palmeiras: “Roubava meus gols”

Xará de ator da Globo, ex-promessa do Palmeiras se aventura no primeiro clube de Ribéry