Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Review Formula E: Confira como foram as etapas anteriores no México

No próximo sábado (03/03), o México receberá pelo terceiro ano consecutivo uma etapa da Formula E, no Autódromo Hermanos Rodríguez. E a expectativa é de uma corrida empolgante, como foi nos dois anos anteriores, e quem sabe, seja o inicio da recuperação de Lucas di Grassi no campeonato, já que o retrospecto do brasileiro na pista mexicana é muito bom. Confira:

Rodrigo Nascimento dos Santos
Colaborador do Torcedores

Crédito: 2016/2017 FIA Formula E Championship. Aut—dromo Hermanos Rodr’guez, Mexico City, Mexico Saturday 1 April 2017. Lucas Di Grassi (BRA), ABT Schaeffler Audi Sport, Spark-Abt Sportsline, ABT Schaeffler FE02. Photo: Sam BloxhamLAT/Formula E ref: Digital Image _J6I7741

A temporada 2017-2018 da Formula E terá neste fim de semana a quinta etapa, que será o E-Prix da Cidade do México. Esta será a terceira vez que a capital mexicana receberá uma prova do mundial dos carros elétricos, e nos anos anteriores, tivemos grandes batalhas e Lucas di Grassi cruzando a linha de chegada em primeiro.

E-Prix da Cidade do México na temporada 2015-2016 : Com D’Ambrosio largando na pole, seguido por Nicolas Prost e o brasileiro Lucas di Grassi, a largada não teve grandes alterações nas primeiras posições, mas não demorou para o piloto brasileiro partir para cima do filho do tetracampeão mundial de F1, e conseguir a segunda colocação na prova antes da parada nos boxes. Ao retornar para a pista, Di Grassi colou no belga da Dragon Racing, e em poucas voltas assumiu a liderança do corrida. Enquanto o piloto brasileiro ia se distanciando e garantindo a vitória, D’Ambrosio se envolveu em uma bela disputa com Sébastin Buemi e Nicolas Prost pelo segundo lugar, que após diversas trocas de posições, o belga conseguiu a posição até o final. No final, o pódio foi formado por Di Grassi, D’Ambrosio e Buemi, mas o brasileiro acabou desclassificado da prova por conta do peso do carro, que estava abaixo do mínimo permitido, e com isso, D’Ambrosio ficou com a vitória.

E-Prix da Cidade do México 2016-2017: desta vez, quem largou na pole position foi Oliver Turvey, seguido por José Maria López. Lucas di Grassi largou apenas na 15ª posição, e ainda teve o azar de ter a asa traseira avariada após um choque com Stephane Sarrazin. Por conta disso, o piloto brasileiro teve que parar mais cedo nos boxes, e então optou por uma estratégia ousada para tentar se recuperar na prova. A sorte se mostrou ao lado de Di Grassi, já que a corrida contou algumas entradas de safety car, por conta de alguns carros que foram ficando pelo caminho, como o líder Oliver Turvey e Loic Duval. Por conta da estratégia adotada, Di Grassi assumiu a liderança, seguido por D’Ambrosio, que adotou uma tática semelhante a do brasileiro. Apesar do risco de ficar sem bateria, a estratégia deu certo para Di Brassi, que cruzou a linha de chegada em primeiro e conquistou a sua primeira vitória na temporada, dando inicio a caminhada que seria concluída com o título mundial. Já D’Ambrosio não teve tanta sorte, e não conseguiu cruzar a linha de chegada. Completaram o pódio, Jean-Eric Vergne e Sam Bird.

O E-Prix da Cidade do México da temporada 2017-2018 será disputado neste sábado, dia 03 de março, e a largada está programada para às 19h00 (horário de Brasília).

LEIA MAIS:
F-E: Após ficar no quase nas provas anteriores, Nelsinho Piquet quer pódio no e-Prix do México
Formula E: Apesar da nova punição, Lucas di Grassi busca melhor fim de semana da temporada