Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Ceará vence o Fortaleza em primeiro jogo da final do Cearense

Nesta quarta-feira (4), Ceará e Fortaleza se enfrentaram no primeiro jogo da final do Campeonato Cearense 2018. O time alvinegro venceu por 2 a 1, com dois gols de Arthur e um de Gustavo, ambos artilheiros do Brasil, com 16 gols. A partir disso, mesmo tendo começado a partida com a vantagem de resultados iguais, agora o Tricolor precisa vencer na volta para ficar com o titulo estadual deste ano. Qualquer empate é favorável ao Vozão.

Karoline Tavares
Colaboradora do Torcedores.com que gosta de Fórmula 1 e basquete.

Crédito: Foto: Reprodução/Ceará SC

No primeiro tempo, a partida foi bastante movimentada. Logo aos cinco minutos, o Vovô teve uma boa chance para marcar, de falta. Na cobrança, Pio chutou forte e rasteiro, mas a bola passou apenas à esquerda da meta de Matheus Inácio. Aos 12 minutos, foi a vez do Leão chegar, com Léo Natel, após bom passe de Osvaldo, mas o auxiliar marcou, erroneamente, o impedimento. Nove minutos depois, o Ceará chegou novamente. Pio chutou forte, de muito longe, mas Matheus Inácio conseguiu fazer a defesa. Três minutos depois, veio a resposta tricolor. Em jogada de velocidade, Osvaldo arrancou pela esquerda e chutou de dentro da área, mas Éverson defendeu.

Dois minutos mais tarde, o Fortaleza chegou mais uma vez. Gustavo tentou mandar para o gol, mas o goleiro alvinegro conseguiu realizar outra boa defesa. Só que o Leão não conseguiu segurar a pressão do Vozão e, aos 34 minutos, após cruzamento de Wescley, Arthur apareceu dentro da área para cabecear e abrir o placar na Arena Castelão. Aos 40, o Ceará continuou pressionando e quase chegou ao segundo, com Ernandes. Mas o segundo tento do Alvinegro de Porangabussu não demorou a surgir. Aos 42, depois de cobrança de escanteio, Arthur aproveitou a desatenção dos defensores do rival e tocou para o fundo das redes tricolores.

Já no segundo tempo, o Fortaleza voltou bem mais participativo no ataque, tentando tirar o prejuízo. Logo aos dois minutos, Gustavo, mesmo com proteção na cabeça desde a primeira etapa devido a um corte no supercílio, cabeceou, seguro, para o gol, mas a bola foi para fora. Quatro minutos depois, a bola chegou em Arthur, mas ele chutou à direita da meta tricolor. Aos nove minutos, Pio testou de longe, mais uma vez, mas o zagueiro Ligger tirou para longe. Aos 14, após cruzamento para a área, Luiz Otávio entra junto com Gustavo na jogada e quase manda contra o próprio patrimônio, mas a bola foi na trave.

Apesar de buscar o resultado, o Fortaleza errou muitos passes e não conseguiu se encontrar na partida. O Ceará, então, aproveitou os erros do adversário. Aos 18 minutos, Felipe Azevedo chutou, Matheus Inácio fez grande defesa e, na sobra, Wescley mandou para fora. Na jogada seguinte, aos 22, Felipe Azevedo surgiu novamente, dessa vez com um chutaço de fora da área, mas o goleiro do Leão salva mais uma vez.

Porém, aos 41 minutos, após passe de Tinga para a área, Gustavo não desistiu da bola e, mesmo marcado, empurrou para o fundo das redes, diminuindo a vantagem alvinegra. Depois disso, os últimos minutos foram de pura pressão do Leão, que não conseguiu marcar mais.

O segundo Clássico-Rei da final acontecerá no próximo domingo (8), às 16 horas, na Arena Castelão.