Opinião: 3 jogadores que estão fazendo “hora extra” no time do Palmeiras

O Palmeiras novamente tropeçou, desta vez contra o Botafogo, pela 1ª rodada do Brasileirão. O Verdão saiu na frente mesmo sem jogar bem, tinha controle da partida mas falhou no fim da partida.

Bruno Barbato
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: César Greco - Agência Palmeiras

Coletivamente o Verdão não vem apresentando um bom futebol e isso passa pelo baixo rendimento de muitos jogadores considerados titulares no esquema de Roger Machado. Abaixo listei alguns que merecem o banco neste momento.

Veja quem merece o banco e deixe o seu comentário:

Dudu

Já passou da hora de Dudu deixar de ser titular do Palmeiras. Não apresenta um bom futebol desde a reta final do Brasileirão 2016. Pouco acrescenta ao time e ofensivamente vem errando bastante, principalmente quando segura a bola demais pela ponta direita.

As jogadas de ataque param no capitão palmeirense. Aliás, o Verdão não pode ter o camisa 7 como capitão. Ele em diversos momentos deixou a desejar em momentos decisivos por se exaltar. O exemplo mais recente foi contra o Corinthians.

Os fatores que jogam a favor de Dudu são vários apesar de tudo. É um jogador querido pela torcida. É ídolo por tudo que já fez nas temporadas 2015 e 2016, e mesmo mal sempre demonstra raça e dedicação com a camisa do Verdão. Entretanto neste momento é necessária uma mudança.

Lucas Lima

Desde sua chegada ao Verdão não apresentou o futebol que o credenciou para a seleção brasileira. É muito parecido com o Lucas Lima que defendeu o Santos na temporada 2017, que pouco aparece para armar jogadas, fica mais recuado e troca mais passes curtos com os volantes.

Pior disso tudo é que uma das grandes estrelas do Palmeiras 2018 não aparece. O jogador é omisso na maioria dos jogos.

Antônio Carlos

Demonstra garra e dedicação mas não está a altura do que o Palmeiras precisa para um ano cheio de ambições como 2018. Mesmo jogando mal o Verdão poderia levar o título paulista contra o Corinthians além da vitória contra o Boca Juniors se ele não fosse afoito nos lances que ocasionaram erros infantis do defensor.