Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Arouca perde espaço no Atlético-MG

Volante Arouca que foi contratado por empréstimo junto ao Palmeiras, gozava de prestígio com Oswaldo de Oliveira, mas perdeu espaço com Thiago Larghi e hoje treina com o terceiro time.

Caio Henrique Mourão
Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Facebook.com/atletico

LEIA MAIS

Larghi pensa em mudanças no Atlético-MG para jogo contra São Paulo

As melhores notícias de esportes, direto para você

 
Volante Arouca tenta recuperar espaço no Galo

Foto: Facebook.com/atletico

Na primeira atividade coletiva do Atlético-MG após o empate diante da Chapecoense foi realizado um trabalho de campo. Só entraram no gramado da Cidade do Galo aqueles atletas que não atuaram ou entraram no decorrer da partida da última quarta-feira. O treinador atleticano dividiu o elenco em duas equipes.

O time 1 treinou com Cleiton, Emerson, Bremer, Maidana e Lucas Cândido; Yago, Galdezani, Elias, Cazares e Erik. Alerrandro. Já a equipe 2 treinou com 10 e foi com MIchael, Samuel Xavier, Mancini, Juninho e Carlos Gabriel (da base do clube); Roger Bernardo, Arouca, Tomás Andrade, Bruninho, Marquinhos.

Alguns pontos chamam a atenção, além de treinar com um atleta a menos, o segundo time conta com alguns figurões, entre eles o volante Arouca. Ele chegou ao Atlético com a esperança de reviver grandes momentos da carreira. Chegou com a aprovação do então treinador Oswaldo de Oliveira e foi titular durante a passagem do ex-técnico do Galo.

Acontece que o prestígio se foi junto com Oswaldo, com espaço cada vez mais reduzido e menos minutos de partida, Arouca agora perde mais espaço com a ascensão de Adílson (preterido por Oswaldo) e do jovem Gustavo Blanco. Mesmo no time reserva as coisas não andam fáceis para o ex-palmeirense, que tem contrato de empréstimo até o fim do ano.

Yago que voltou de lesão e o recém-contratado Matheus Galdezani parecem estar na frente de Arouca por uma vaga na equipe titular. Outros nomes importantes do elenco também perderam espaço e treinaram no equivalente ao terceiro time.

O volante Roger Bernardo, que ainda não atuou pelo Galo em 2018, o lateral-direito Samuel Xavier que também desembarcou em BH com aval de Oswaldo, mas não agradou e deve seguir para o Ceará. Por fim, o meia argentino Tomás Andrade, que após um bom começo, não se firmou e tem sido cada vez menos utilizado.

O próximo compromisso do Atlético-MG é contra o São Paulo, sábado, às 19h, no Morumbi. A partida vale pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Caso vença, o Galo pode dormir na liderança, desde que o América-MG não bata o Vasco, em São Januário.