Torcedores – Notícias Esportivas

Atlético de Madrid conquista o bi no Campeonato Espanhol de Futebol Feminino

O Atlético de Madrid é o grande campeão da Liga Iberdrola, o torneio nacional de futebol feminino da Espanha, da temporada 2017/2018. Com direito a uma goleada na rodada derradeira, as Colchoneras confirmaram a segunda conquista seguida para o clube da capital.

Bruno Nunes Loreto
Formado em Jornalismo na Universidade de Santa Cruz do Sul, UNISC. Amante dos esportes, principalmente o bom e velho futebol. Setorista de Grêmio e Fluminense.

Crédito: Divulgação/Atlético de Madrid

Disputando o título ponto a ponto com o Barcelona há algum tempo, o Atlético de Madrid chegou em seu último jogo dependendo apenas de si. E as comandadas do técnico Ángel Villacampa não sofreram pressão para alcançaram seu objetivo.

Na tarde de ontem, o Atleti foi até o Estádio Pedro Sancho e aplicou 6×1 no Zaragoza CFF. O gol que inaugurou o placar foi brasileiro. Logo aos três minutos, a atacante Ludmila colocou a bola nas redes e marcou 1×0.

Ainda no primeiro tempo, o Atlético de Madrid marcou outras três vezes. O destaque ficou para Soni, que deixou sua marca aos 9’ e aos 35’. Com 37’ foi a vez de Sosa fazer o seu primeiro e colocar o placar em 4×0 antes do intervalo.

No segundo tempo, Sosa voltou a marcar com 20 minutos. Pouco tempo depois, aos 24’, outro gol brasileiro. De pênalti, Darlene descontou para as donas de casa. Aos 38’, foi a vez de Esther marcar e fechar a goleada em 6×1.

Com o resultado, o Atlético de Madrid terminou com 77 pontos, um a mais que o Barcelona, que também venceu fora de casa na última rodada. Contra o Levante, com direito a um gol da brasileira Andressa Alves, o Barça aplicou 5×0 no Levante, na Ciudad Deportiva de Buñol.

Veja os lances da vitória decisiva do Atleti!

“É um prêmio pela perseverança a esse excelente grupo de pessoas que não só no esporte, mas no humano, são excepcionais. Em certas circunstâncias, adaptamo-nos muito bem a certos campos, a certos rivais e é aí que obtemos a nossa vantagem. Nos duelos diretos (com o Barcelona, dois empates em 1×1) não fomos vencedores no placar, mas talvez no que foi visto dentro do campo”, disse o treinador colchonero.

Apesar do vice-campeonato, o Barcelona terminou com o melhor ataque e a melhor defesa da competição, anotando 98 gols e sofrendo apenas 12. Já o Atleti balançou as redes 74 vezes e foi vazado em 21 oportunidades.

Confira imagens da festa do título!

LEIA MAIS:

SANTOS ABRE 2 A 0, MAS CEDE O EMPATE PARA O SÃO JOSÉ NO PAULISTÃO FEMININO

TÉCNICO DA SELEÇÃO BRASILEIRA ELOGIA ESTRUTURA E APOIO DE MANAUS AO FUTEBOL FEMININO