Futebol

A Copa já começou: confira a Análise Tática da seleção brasileira

Publicado às

Sou Jornalista e Radialista, apaixonado por futebol de campo, futebol de salão, futebol de botão, futebol com bola de meia, enfim... Já viu que o amor pelo esporte está no sangue. Torcedor do Corinthians e colecionador de camisetas de futebol.

Crédito: BELO HORIZONTE, BRAZIL - NOVEMBER 10: Philippe Coutinho #11, Neymar #10 and Gabriel Jesus #9 of Brazil celebrates a scored goal against Argentina during a match between Brazil and Argentina as part 2018 FIFA World Cup Russia Qualifier at Mineirao stadium on November 10, 2016 in Belo Horizonte, Brazil. (Photo by Pedro Vilela/Getty Images)

BELO HORIZONTE, BRAZIL – NOVEMBER 10: Philippe Coutinho #11, Neymar #10 and Gabriel Jesus #9 of Brazil celebrates a scored goal against Argentina during a match between Brazil and Argentina as part 2018 FIFA World Cup Russia Qualifier at Mineirao stadium on November 10, 2016 in Belo Horizonte, Brazil. (Photo by Pedro Vilela/Getty Images)

O técnico Tite anunciou na última segunda-feira, na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a lista dos 23 jogadores convocados para defender a seleção na Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

A lista já estava praticamente fechada, restando apenas pouquíssimas vagas. A grande surpresa foi a convocação do atacante Taison, que atualmente defende o Shakhtar, da Ucrânia.

Com a lesão de Daniel Alves, do PSG, da França, foram chamados os laterais direitos Danilo, do Manchester City e Fagner, do Corinthians.

As ausências mais sentidas da lista, foram dos jogadores do Grêmio. Arthur e Luan, tinham futebol para estarem no grupo, além do lateral esquerdo Alex Sandro, que atua na Juventus, da Itália.

Análise Tática:

No gol, Alisson será o titular absoluto; Já Ederson é considerado pela comissão técnica, um goleiro para o futuro e irá para a Copa para ganhar experiência.

Talvez o grande problema da seleção, que não poderá contar com Daniel Alves, contundido. Danilo e Fagner tiveram pouco tempo para atuarem como titulares. Não ficarei impressionado, se Tite improvisar o zagueiro Marquinhos no setor, e formar uma zaga com Thiago Silva e Miranda, já que Marcelo, vive uma ótima fase e avança muito ao ataque.

O meio campo será formado pelo quarteto (Casemiro, Paulinho, Willian e P. Coutinho), com Renato Augusto atuando na sombra dos dois últimos. Porém a agilidade, a juventude e principalmente, o estilo de jogo da seleção beneficiam os atletas do Chelsea e do Barcelona.

Inicialmente, o ataque deverá ser formado por Neymar e Gabriel Jesus, porém, a ótima fase do Roberto Firmino deverá colocar uma “pulguinha” atrás da orelha do nosso treinador. Além disso, a convocação de Douglas Costa foi acertada, e em tese, ele será o reserva imediato do craque do PSG.

Abaixo, segue a lista completa dos jogadores:

Goleiros:
Alisson (Roma)
Cássio (Corinthians)
Ederson (Manchester City)

Laterais:
Danilo (Manchester City)
Filipe Luís (Atlético de Madrid)
Marcelo (Real Madrid)
Fagner (Corinthians)

Zagueiros:
Marquinhos (PSG)
Miranda (Inter de Milão)
Thiago Silva (PSG)
Geromel (Grêmio)

Meio-campistas:
Casemiro (Real Madrid)
Renato Augusto (Beijing Guoan)
Fernandinho (Manchester City)
Paulinho (Barcelona)
Philippe Coutinho (Barcelona)
Willian (Chelsea)
Fred (Shakhtar)

Atacantes:
Neymar (PSG)
Gabriel Jesus (Manchester City)
Roberto Firmino (Liverpool)
Douglas Costa (Juventus)
Taison (Shakhtar)