Cruzeiro x Racing: assista aos gols da partida válida pelo Grupo 5 da Libertadores

Cruzeiro x Racing decidem quem será o líder do Grupo 5 da Copa Libertadores da América, no Mineirão, às 21h50 desta terça-feira (22). Para ficar no topo da chave, a Raposa precisa vencer o embate, enquanto os argentinos se beneficiam em caso de empate.

Ramon Lopes
Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.

Crédito: Vinnicius Silva/Cruzeiro/divulgação

No jogo realizado na Argentina, ainda pela primeira rodada do Grupo 5, o Racing levou a melhor sobre o Cruzeiro e venceu por 4 a 2, no El Cilindro, em Avellaneda.

Antes do último treino visando a partida no Mineirão, o técnico Mano Menezes confirmou que Thiago Neves e Edilson estariam entre os relacionados. O meia reclama de um desconforto na panturrilha e por isso foi poupado nos últimos jogos da Raposa, enquanto o lateral-direito estava também sob os cuidados do departamento médico devido a uma lesão no tornozelo sofrida na goleada contra a Universidad de Chile, por 7 a 0.

“Thiago Neves e Edilson estarão à disposição. A decisão de usá-los desde o início do jogo vai da estratégia e da condição de retorno deles, sem ter tido oportunidade de jogar outros jogos antes desse (contra o Racing), comentou Mano Menezes em coletiva de imprensa.

Sem esconder o jogo, Thiago Neves também conversou com a imprensa e falou abertamente sobre a sua condição física, mostrando preocupação com o desconforto na panturrilha.

“Eu tenho um pouco de medo ainda pois o problema é na panturrilha, que é um lugar complicado. Eu estou bem melhor, disse ao Mano Menezes que quero ir para o jogo, mas não sei se estou preparado para jogar os 90 minutos devido a parte física, até porque o jogo [contra o Racing] terá uma pegada muito grande. Espero treinar bem hoje e estou preparado para o duelo” afirmou TN30 em coletiva de imprensa.

Quando a bola rolou no Mineirão o Cruzeiro começou com um volume de jogo bem maior e com isso, abriu o placar logo aos três minutos, após jogada de Sassá, em que a bola sobrou na área para Thiago Neves abrir a contagem.

Minutos mais tarde, o Cruzeiro chegou ao segundo através de Lucas Silva, que acertou um ótimo chute de fora da área.

Com dois tentos de vantagem, o Cruzeiro diminuiu o ritmo e deu espaço para o Racing, que aproveitou para diminuir o prejuízo com Centurión.

LEIA MAIS:

JOVEM ZAGUEIRO DO CRUZEIRO ENTRA NO RADAR DE CLUBES PORTUGUESES