Torcedores – Notícias Esportivas

Dupla do Santos está entre os maiores “ladrões de bola” da Libertadores; veja o top-10

A Libertadores chegou nas rodadas finais da fase de grupos e já é possível analisar alguns destaques individuais da competição. No quesito desarmes, argentinos e colombianos se destacam, com uma dupla do Santos entre as principais.

Bruno Barbato
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Ivan Storti - Santos FC

Facundo Sánchez, argentino do Estudiantes, é o líder no geral ao lado de William Tesillo, colombiano do Santa Fe, com um total de 17 roubadas de bola cada. Os dados são do Footstats.

“Fechando o pódio”, um outro colombiano, Jhon Duque, do Millonarios, com 16 desarmes, mas com apenas 4 jogos disputados, 1 a menos que os líderes no quesito, que somam 5 jogos disputados cada um.

De brasileiros na lista, apenas uma dupla do Santos. Alison e Daniel Guedes roubaram 14 bolas cada um dos adversários e dividem a sexta colocação ao lado de Matías de los Santos (Millonarios) e Wilmar Barrios (Boca Juniors).

Outro clube brasileiro que figura no top-10 é o Corinthians, que tem o paraguaio Romero na 10ª posição, ao lado de Javier García, do Monagas e Angelo Araos, do Universidad de Chile, todos com 13 roubadas de bola.

Confira o top-10 dos maiores ladrões de bola da Libertadores:

1 Facundo Sánchez (Estudiantes) e William Tesillo (Santa Fe) – 17

3 Jhon Duque (Millonarios) – 16

4 Enzo Perez (River Plate) e Gonzalo Montiel (River Plate) – 15

6 Alison (Santos), Matias de los Santos (Millonarios), Daniel Guedes (Santos) e Wilmar Barrios (Boca Juniors) – 14

10 Angel Romero (Corinthians), Javier García (Monagas) e Angelo Araos (Universidad de Chile) – 13