Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Erik discorda de presidente do Atlético-MG: “Todas as competições são importantes”

Na noite de ontem, 08, o Atlético-MG empatou em 0x0 com o San Lorenzo, na Arena Independência, e deu adeus à Copa Sul-Americana. Após a eliminação, o presidente do clube, Sérgio Sette Câmara, deu uma polêmica declaração e diminuiu o peso da competição. A opinião do mandatário, no entanto, não é absoluta no clube.

Bruno Nunes Loreto
Formado em Jornalismo na Universidade de Santa Cruz do Sul, UNISC. Amante dos esportes, principalmente o bom e velho futebol. Setorista de Grêmio e Fluminense.

Crédito: Bruno Cantini / Atlético

Em entrevista coletiva na tarde desta quarta-feira, Erik, que ganhou uma oportunidade contra o San Lorenzo por conta dos muitos jogadores poupados, valorizou a Sul-Americana. O atacante lembrou a importância da competição para sua carreira.

Revelado pelo Goiás, Erik se destacou durante a Sul-Americana de 2014. Pouco tempo depois, o atacante acertou com o Palmeiras em uma transação que envolveu R$ 13 milhões pagos ao clube do centro do país.

“Como atleta, tenho uma visão de que qualquer que seja a competição que vou disputar, eu quero vencer. Quero conquistar resultados positivos porque é isso que marca a vida do atleta. Eu até lembro de um momento da minha vida que essa competição, praticamente, mudou muito minha carreira para eu estar vestindo a camisa de mais um grande clube. Lembro que foram quatro ou cinco gols que eu fiz nela e isso abriu as portas para grandes clubes. Por isso eu acho que todos os jogos e competições são importantes. Falando por mim, a Sul-Americana também era importante”, disse Erik.

A declaração de Sette Câmara veio logo após o apito final. O presidente, que já havia afirmado concordar com a escalação de um time alternativo, tirou o peso da competição nos tempos atuais.

“A Copa Sul-Americana é a segunda divisão da Libertadores da América. É assim que enxergo. Se ela tivesse esse valor muito grande, as duas copas que o Atlético-MG ganhou da Conmebol teriam mais valor do que na verdade têm. A Sul-Americana, além de pagar pouco, tem pouco valor. Você vê pelos próprios públicos que vêm comparecendo, se comparado com públicos da Libertadores”, falou o mandatário atleticano, na noite de ontem.

LEIA MAIS:

SETTE CÂMARA ESTIPULA PRAZO PARA DECIDIR SITUAÇÃO DE LARGHI NO ATLÉTICO

SETTE CÂMARA CITA RIVAL COMO EXEMPLO E FAZ PREVISÃO ANTES DA COPA

PARTES NÃO SE ENTENDEM E VASCO DESISTE DA CONTRATAÇÃO DE AROUCA