LFA 39: Ian Heinisch tratoriza Gabriel Checco e conquista cinturão interino dos médios; veja os resultados

Foi realizado na noite desta sexta-feira (04) e também durante boa parte da madrugada deste sábado (05) na Dobson Arena em Vail, Colorado, nos Estados Unidos, mais uma grande edição de um dos eventos de Mixed Martial Arts que mais cresce no mundo.

Dario Ferrari Rocha Teixeira
Escrevo sobre lutas em geral no Torcedores.com. São Paulino, fã do New England Patriots, Los Angeles Lakers e Los Angeles Dodgers. Noivo da Thays Gomes Lima.

Crédito: Sean F. Boggs | LFA.

Na luta principal do LFA 39, o norte americano Ian Heinisch não tomou conhecimento do brasileiro Gabriel Checco e nocauteou-o ainda no primeiro assalto. Após conectar um lindo direto no frontal de ‘Zangief’, o ‘Hurricane’ foi mesmo com ‘um furação’ para cima do atleta tupiniquim desferindo uma chuva de socos que fizeram Checco ver estrelas. A vitória garantiu ao norte americano o cinturão interino da categoria peso-medio.

Leia também no TORCEDORES.COM:

No co-main event, a luta da noite, que também envolveu um ‘brazuca’. Christiano Frohlich, da Evolução Thai de Curitiba/PR, teve uma sequência de cinco triunfos consecutivos interrompida por conta da ‘má arbitragem’, e o pagamento foi a derrota para Hayward Charles na decisão unânime dos árbitros laterais.

Confira abaixo os resultados completos do LFA 39: Heinisch vs. Checco:

  • Ian Heinisch derrotou Gabriel Checco por nocaute (socos) aos 3m:44s do primeiro round – Conquistou o cinturão interino da categoria peso médio;
  • Hayward Charles derrotou Christiano Frohlich por decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28);
  • Brandon Royval derrotou Jerome Rivera por nocaute técnico (parada do árbitro – lesão de Rivera) aos 0m:40s do primeiro round;
  • Maycee Barber derrotou Audrey Perkins por nocaute técnico (socos) aos 2m:54s do terceiro round;
  • Austin Hubbard derrotou Harvey Park por decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28);
  • Ahmet Kayretli derrotou Turrell Galloway por nocaute técnico (parada médica) no intervalo do segundo para o terceiro round;
  • Youssef Zalal derrotou Daniel Soto por finalização com um mata-leão a 1m:38s do segundo round;
  • Carmen Sage derrotou Jesonna Ollis por finalização com um armlock aos 2m:04s do segundo round.