Punição para jogadores do Vasco que se envolveram em polêmica no Chile começa a valer nesta quinta

O Vasco conseguiu uma ótima vitória diante da Universidad de Chile, em Santiago, que valeu a classificação para a Copa Sul-Americana. Contudo, uma polêmica ainda continua repercutindo e nessa quinta-feira (24) começa a punição dada pelo clube a Gabriel Félix, Paulão, Evander e Wellington, que na véspera do jogo contra a La U publicaram uma foto ironizando as vaias da torcida vascaína a eles.

Ramon Lopes
Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.

Crédito: Paulo Fernandes/Vasco/divulgação

A decisão por punir os jogadores foi tomada logo na chegada da delegação do Gigante da Colina ao Rio de Janeiro, uma vez que o diretor executivo de futebol, Paulo Pelaipe, não havia viajado com a equipe para o duelo da Copa Libertadores da América. Além disso, o presidente do clube, Alexandre Campello, também criticou a postura dos jogadores envolvidos na polêmica.

Desta forma, ficou decidido que a partir desta quinta-feira os jogadores não treinaram junto com o elenco e que por enquanto ficarão de fora dos relacionados pelo técnico Zé Ricardo para os próximos compromissos do Vasco.

A polêmica surgiu após uma foto em que Paulão, Gabriel Félix, Evander e Wellington aparecem imitando vaias da torcida com a legenda “De quem é a culpa?”. A fotografia postada no Instagram não foi bem recebida nem pela diretoria do cruzmaltino e também pela torcida, gerando uma grande repercussão.

Vale lembrar que, Rafael Galhardo, Fabrício e Erazo também aparecem na foto, contudo, escaparam da punição imposta pela diretoria devido a não publicação da mesma. Polêmicas à parte, o Vasco se prepara para visitar o Bahia, na Fonte Nova, em duelo válido pelo Campeonato Brasileiro.

LEIA MAIS:

PIKACHU ATINGE MARCAR EXPRESSIVA E SE IGUALA A GRANDES NOMES DO VASCO;ENTENDA