Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

River Plate x Flamengo: saiba o que está em jogo

Campeão da Libertadores pela última vez em 2015, o River Plate está garantido na fase mata-mata e nesta quarta (23) cumpre tabela diante do Flamengo.

Bia Palumbo
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Gilvan de Souza / Flamengo

A bola vai rolar às 21h45 (de Brasília) no Monumental de Núñez. O confronto vale a liderança do grupo – enfrenta nas oitavas um time que for 2º colocado e faz o jogo de volta em casa. Para isso basta empatar nesta noite.

Gallardo tem duas baixas para este jogo: Pity Martínez, que tem uma lesão muscular no posterior da coxa esquerda, e Quintero, que já se apresentou à seleção colombiana para a disputa da Copa do Mundo. Também convocado, o goleiro Armani se junta à seleção argentina logo após a partida.

O River Plate busca o quarto título da Libertadores – ganhou em 1986, 1996 e 2015. Também chegou à final em 1966 e 1976, mas Peñarol e Cruzeiro levaram a melhor.

COMO CHEGA O FLAMENGO

Sem Diego, suspenso pelo acúmulo de cartões amarelos, o Flamengo também possui mais três desfalques – Juan, Réver e Geuvânio estão vetados pelo Departamento Médico.

O time à beira do gramado será comandado pelo auxiliar técnico Maurício de Souza, visto que o interino Maurício Barbieri foi expulso no último jogo, contra o Emelec.

Sendo assim, Rhodolfo deve formar dupla com Léo Duarte na zaga, enquanto Jean Lucas é o favorito para assumir a vaga no meio de campo. Outra opção para a vaga é Marlos Moreno. Neste cenário, Éverton Ribeiro jogaria mais recuado.

FICHA TÉCNICA – River Plate x Flamengo
Motivo: Copa Libertadores da América – grupo E – 6ª rodada
Local: Estádio Monumental de Núñez, em Buenos Aires (Argentina)
Data e horário: quarta (23), às 21h45 (de Brasília)
RIVER PLATE (provável escalação): Armani, Montiel, Pinola, Maidana e Saracchi; Ponzio, Ignacio Fernández, Enzo Pérez; Exequiel Palacios, Scocco e Lucas Pratto. Técnico: Marcelo Gallardo.
FLAMENGO (provável escalação): Diego Alves, Rodinei, Léo Duarte, Rhodolfo e Renê; Cuéllar, Jean Lucas (Willian Arão) e Lucas Paquetá; Éverton Ribeiro, Henrique Dourado e Vinicius Jr. Técnico: Mauricio Barbieri.

As melhores notícias de esportes, direto para você