Mídia Esportiva

Veja como a imprensa repercutiu a classificação do Grêmio na Libertadores

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Lucas Uebel | Grêmio FBPA

Em jogo disputado nesta quarta-feira (15), o Grêmio conseguiu virar o placar no último minuto do jogo e venceu o Monagas por 2 a 1, no Estádio Monumental de Maturín, na Venezuela, pela quinta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. Com o resultado, o Tricolor avança às oitavas de final e se mantém na liderança do Grupo 1, com 11 pontos.

A vitória por 2 a 1 foi analisada pela imprensa esportiva aqui no Brasil. “Em jogo com final emocionante, Grêmio vence o Monagas e garante vaga nas oitavas da Libertadores”, foi assim que o site do jornal gaúcho Zero Hora destacou o título da sua matéria sobre o jogo.

“Se vencer o já eliminado Defensor, dia 23, na Arena, garante a liderança da chave e pode terminar a fase de grupos com uma das melhores campanhas, o que representaria a vantagem de decidir em casa na etapa de mata-mata”, diz um trecho da publicação.

Na avaliação do Uol Esporte, o goleiro Marcelo Grohe foi o melhor gremista em campo. “Guayaquil, Lanús, Porto Alegre e Maturín. O goleiro do Grêmio tem mais uma cidade onde fez milagre no currículo. Nos dois tempos, Grohe fez boas defesas. Na etapa final, evitou o empate com uma defesa à queima roupa”, diz a análise do site.

“Intenso, Ramiro comanda time misto com gol em vitória e dá camisa de presente a fã”, essa é a chamada da matéria do GloboEsporte.com. O portal elogiou o gesto do jogador, que entregou sua camisa ao um fã presente no Monumental de Maturín após a partida, mas também ressaltou a atuação do volante.

“Verdade seja dita, Ramiro fez bem mais do que o gol nesta terça-feira. De volta ao time após cumprir suspensão no empate em 0 a 0 com o Inter, no último sábado, o volante se desdobrou para conduzir o time misto à vitória. O camisa 17 iniciou a partida como extrema pela direita, sua função habitual. Mas não foi raro vê-lo circulando por todo o setor ofensivo para tentar confundir a marcação rival e abrir espaços para a finalização. De quebra, ainda acabou o jogo como lateral-direito, após a substituição de Madson por Lima.”

LEIA MAIS:

LIBERTADORES: VEJA AS VAGAS ÀS OITAVAS QUE ESTÃO EM JOGO NA RODADA DESTA SEMANA

VEJA COMO A IMPRENSA ANALISOU A DERROTA DO FLUMINENSE PARA O BOTAFOGO