Futebol

Veja como a imprensa analisou a goleada histórica do Corinthians na Libertadores

Publicado às

Jornalista formado pela FIAM-FAAM. Setorista do Internacional e do Fluminense no Torcedores.com. Também escreve sobre o Palmeiras no site. Contato: mohamed.nassif12@hotmail.com

Corinthians

Crédito: Foto: Divulgação Band

O Corinthians deu um show e goleou na Copa Libertadores. Contra o Deportivo Lara na Venezuela, os comandados de Fábio Carille fizeram um elástico placar por 7 a 2 e carimbaram a vaga nas oitavas da competição.

Veja como alguns dos comentaristas esportivos do país analisaram a goleada histórica do Timão:

Juca: O Alvinegro fez 2 a 0 como quis.  Daí o time subiu no salto, tomou um gol depois dos 40′ e quase sofreu o empate aos 48. a noite foi mesmo de Jadson, com três gols, futebol maduro nesta Libertadores com sua face podre.

Milton Neves: De longe, essa foi a maior “pelada” da temporada 2018 em todo o mundo!  E, antes que os corintianos fiquem bravos comigo, é claro que o duelo foi péssimo por causa da fragilidade dos donos da casa.

Mauro Beting: Na Venezuela, com 10 minutos parecia que o tema do Lara era ajudar Carille. O Corinthians contragolpeou com quatro contra dois rivais como se fossem os últimos 10 minutos do mundo. E Jadson fez o primeiro belo gol. Faria mais um de pênalti até o bonito gol de desconto venezuelano.

Neto: E o Corinthians fez o certo! Não fez gracinha, nem ficou com dó do Deportivo Lara e partiu pra cima. Teve até dois gols de Junior Dutra, é brincadeira??? 7 a 2 fora o CHOCOLATE!

Leia mais:

Veja os times que já estão garantidos nas quartas da Copa do Brasil