Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Cartola da AFA detona imprensa argentina: “parem de publicar mentiras”

O momento instável da Argentina na disputa da Copa do Mundo tem sido reflexo dos bastidores conturbados na Albiceleste. No último sábado (23), o jornal Clarín, classificou o ambiente da seleção hermana como um clima de “Golpe de Estado”, citando inclusive diversos fatores cruciais que contribuíram para agravar a crise, como por exemplo desentendimento entre técnico e jogadores, e também um possível motim para derrubar o presidente da Federação Argentina de Futebol.

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter, @cidovieira90.

Crédito: Getty Images

Tomando conhecimento dessas especulações, o mandatário Claudio Tapia, que rege a AFA (Federação Argentina de Futebol), veio à público para desmentir as notícias e atacou duramente a imprensa argentina.

“A partir desta oportunidade que nos deu o futebol e o destino, temos que aproveitá-la. Os torcedores são os únicos que não têm a má intenção que vêm demonstrando muitos dos que estão aqui. Parece que danar a imagem da seleção tem algum benefício. A única coisa que esse grupo fez foi vir aqui e colocar a camisa”, continuou Tapia.

“Tudo o que aconteceu depois da reunião, está na conta de vocês. Vocês são o quarto poder, há diferentes maneiras de exercer o poder. Não se esqueçam que são comunicadores, e nessa função transcendem, instalam, tergiversam. o jornalismo fala do funcionamento das equipes, de como jogava tal e qual, mas hoje está totalmente desvirtuado”.

“Deem um gesto de respaldo aos jogadores. Não se matem por saber qual vai ser a equipe, isso prejudica muito a todos. Hoje vocês têm uma oportunidade também: graças a eles vocês estão cobrindo uma Copa do Mundo, alguns em quarto ou quinto Mundial”, finalizou.

Com apenas dois pontos, a Argentina ocupa a terceira posição no Grupo C. Para se classificar às oitavas, a seleção de Jorge Sampaoli precisa vencer a Nigéria, e ainda torcer para que a Islândia não vença a Croácia na última rodada.

Para dramatizar ainda mais a situação, o técnico croata anunciou que irá poupar cinco titulares no confronto: o zagueiro Corluka, o lateral Vrsaljko, o meia Rakitic e os atacantes Mandzukic e o mesmo Rebic, além de Marcelo Brozovic, suspenso pelo segundo amarelo.

 

 

LEIA MAIS:
JAPÃO X SENEGAL: ACOMPANHE O PLACAR AO VIVO DA PARTIDA
COPA DO MUNDO: CRISTIANO RONALDO E LUKAKU LIDERAM A ARTILHARIA; VEJA O TOP-10
MARADONA ISENTA MESSI, E DETONA SAMPAOLI POR PÉSSIMO MOMENTO DA ARGENTINA