Atletas contestam MP que diminui verba para o esporte

Atletas e ex-atletas como Bruninho, Renan Dal Zotto e ‘Magic Paula’ lançam manifesto contra Medida Provisória que repassa verba do Ministério do Esporte para o recém criado Sistema Único de Segurança Pública.

Carlos Lemes Jr
Colaborador do Torcedores.com.Jornalista formado, desde 2012, e no Torcedores, desde 2015. Matérias exclusivas pelo site publicadas nos portais IG, MSN e UOL.

Crédito: Divulgação/ Facebook Oficial Bruninho

Na segunda-feira 11 de junho, em Brasília, o presidente Michel Temer editou MP criando o Sistema Único de Segurança Pública (Susp), usando dinheiro das loterias federais e tirando verbas que antes eram destinadas a entidades esportivas como o Comitê Olímpico do Brasil (COB), o Comitê Paralímpico do Brasil (CPB) eo Comitê Brasileiro de Clubes (CBC). Além dos três, o Ministério do Esporte pode perder cerca de R$ 150 milhões do seu orçamento anual .

Diante desse cenário, atletas, comitês e confederações lançaram um manifesto conjunto.

“A comprovação dos benefícios do esporte às pessoas é inquestionável, ele é uma ferramenta insubstituível para a construção de uma sociedade melhor. O esporte tem a seu favor ainda os benefícios econômicos que traz ao nosso país; se não fosse o estímulo da prática esportiva provocado por nossos atletas de alta performance, milhares de brasileiros seriam sedentários, causando vultosas despesas ao nosso já combalido sistema de saúde pública! Como então, sequer pensar em retirar apoio financeiro ao nosso esporte em favor da segurança, sendo que o esporte é um dos pilares fundamentais para retirarmos do caminho do crime milhares de crianças e jovens? O manifesto, na íntegra, pode ser lido aqui

Atletas usam as redes sociais para se manifestar

Veja alguns atletas que se posicionaram contra a MP

 

Com informações do globoesporte.com

LEIA MAIS
Paranaenses conquistam cinco medalhas em dia de desafio duplo em Palmas