Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Veja como a imprensa brasileira repercute o desempenho da Seleção na primeira fase da Copa

O Brasil se prepara para enfrentar o México, em jogo marcado para a segunda-feira (2), às 11h (Brasília), em Samara, no duelo válido pelas oitavas de final da Copa do Mundo. Após começar o Mundial apenas com um empate contra Suíça, a Seleção Brasileira conquistou seis pontos com os triunfos sobre Costa Rica e Sérvia. Abaixo, confira como a imprensa nacional repercute e analisa o desempenho da equipe comandada pelo técnico Tite.

Ramon Lopes
Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.

Crédito: Lucas Figueiredo/CBF/divulgação

O portal UOL dá destaque às boas atuações de Philippe Coutinho. O camisa 11 tem se sobressaído no comparativo com outras estrelas da Seleção Brasileira, como Neymar e Gabriel Jesus. Inclusive, o meia do Barcelona até o momento contabiliza dois gols e uma assistência na Copa do Mundo, posicionando-se como o principal atleta do time de Tite.

Além do UOL, o portal Superesportes dá ênfase à má fase de Gabriel Jesus e, inclusive, o portal Superesportes cogita uma possível troca do camisa nove por Firmino, já que Jesus esteve presente nos três jogos da Seleção Brasileira e ainda não conseguiu mostrar a que veio. Apesar da desconfiança, ambos os portais também lembram que o atacante do Manchester City segue prestigiado por Tite.

Por outro lado, o Lance se apega ao bom futebol apresentado por Paulinho na terceira rodada da fase de grupos da Copa do Mundo. Tratado como um elemento surpresa no esquema tático da Seleção Brasileira, o volante estava aquém do que pode apresentar. Contudo, Paulinho foi peça fundamental que abriu a vitória do Brasil diante da Sérvia.

Já a Gazeta Esportiva faz um balanço da primeira fase da Copa dando ênfase a Willian, outro dos atletas do time de Tite que esperava-se muito, mas que ainda não conseguiu desempenhar um bom futebol. Inclusive, o portal abre espaço para a coletiva de imprensa do jogador, que não se escondeu das críticas e assumiu que não está bem. Contudo, Willian acredita que suas atuações vão melhorar nos próximos jogos.

Por fim, é unânime o posicionamento dos portais esportivos do Brasil em acreditar que o México é um adversário perigoso, contudo, é uma seleção que não deve se limitar a marcar e por isso, é um jogo que “encaixa” com o que gosta de jogar a Seleção Brasileira.

LEIA MAIS:

VEJA QUAIS AS SELEÇÕES QUE MAIS SE CLASSIFICARAM ÀS OITAVAS DE FINAL DA COPA