Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

CRISE NO SPORTING: Bas Dost é o sexto jogador a rescindir com o clube português

O fim de temporada para o Sporting, de Portugal, vem se mostrando horrenda para os lados de Lisboa. Após a invasão dos torcedores do time no Centro de Treinamento, e posterior agressão a jogadores e comissão técnica por não terem se classificado para a Liga dos Campeões, mais um jogador pulou da barca. E, no total, já são seis atletas que solicitaram a rescisão de contrato. Desta vez, o atacante Bas Dost, 29 anos, foi quem pediu as contas.

Luis Fernando Filho
Jornalista formado, 23 anos, e fanático pelo futebol bem jogado para além das quatro linhas.

Crédito: Filipe Amorim/Global Imagens

A informação foi divulgada publicamente pelo próprio clube, em comunicado passado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários. Ainda de acordo com a divulgação, o atacante pediu a rescisão de forma unilateralmente, pesando a justificativa de que a demissão por justa foi motivada pela invasão dos torcedores, há quase um mês atrás. Aliás, o holandês foi um dos jogadores que mais sofreram com os ataques de vandalismo no CT, o que resultou a ele hematomas na cabeça.

A lista, portanto, só aumenta: Rui Patrício, William Carvalho, Bruno Fernandes, Daniel Podence e Gelson Martins, já haviam também pedido o fim do contrato com os Leões. O restante do plantel, ainda poderá acionar a justiça até esta quinta-feira, quando completa os 30 dias da invasão.

Dost tinha contrato em exercício até 2020 e com média de gols extraordinárias atuando no José Alvalade, com 70 gols em 90 jogos. O Presidente Bruno Gomes, duramente criticado por jogadores e torcida, garantiu renunciar ao cargo caso os mesmos atletas decidam retomar o vínculo com o Sporting.