Química no futebol: relembre as duplas que deram “match” em campo

Se existisse uma espécie de “Tinder” do futebol para formar grandes duplas, alguns jogadores teriam dado um “match”. A química que havia entre eles era tão perfeita a ponto de muitos adversários ficarem com medo. Essas parcerias de sucesso ajudaram o Brasil a conquistar os seus títulos mundiais. O Time do Tas fala da química no futebol e listou quais são algumas dessas .

Josuá Barroso
Repórter do Time do Tas na cobertura da Copa da Rússia 2018. É jornalista formado pela Universidade de Uberaba e chefe de redação da Band Triângulo em Minas Gerais.

Crédito: Reprodução / Confederação Brasileira de Futebol / Facebook Oficial

“Carne e unha, alma gêmea… bate coração”. O amor pode ser à primeira vista ou ser construído com o tempo. Às vezes é rodeado por brigas, mas é comum que toda relação tenha altos e baixos. Se num romance é assim, num lance não seria diferente. Estamos falando de futebol e da química que muitas vezes há nele. No momento em que acompanhamos ou jogamos uma partida de futebol, diversas reações químicas naturais começam a acontecer no nosso corpo. Esse é o sentido literal de uma expressão que, em metáfora, esteve presente nos momentos mais gloriosos do nosso futebol.

A diferença, nesse caso, é que os “casais” que você vai ver nessa lista não tiveram muitos “baixos”. Os “altos” foram mais marcantes; O auge do futebol mundial. É claro que um time de futebol é formado por 11 jogadores, mais reservas e comissão técnica, além do torcedor. Mas não se pode negar que, historicamente, algumas duplas se destacaram carregando o conjunto.

Leia mais:

PODCAST: Os CopaManíacos – eles se prepararam pra assistir a todos os jogos do mundial da Rússia

Lances famosos das Copas: saiba como eles foram transmitidos ao longo da história

Confira então três grandes parcerias que brilharam na Seleção brasileira:

Para a Copa de 2018, ainda não podemos prever se alguma dupla da Seleção vai se destacar tanto. No entanto, candidatos não faltam: Neymar e Gabriel Jesus estão nas graças da torcida, além do do técnico Tite. Será que Tite e Neymar dão “match”? Seria uma grande dupla, mesmo dentro e fora de campo. Vamos torcer para que essa química que envolveu as grandes duplas nas épocas de glória da Seleção possa funcionar entre os nossos atuais jogadores.

Continue acompanhando o Time do Tas. Nos próximos dias, numa série especial de reportagens você vai conferir o relacionamento entre a química com o futebol: metaforicamente e literalmente falando.

 

Daniel Aloisio e Josuá Barroso para o Time do Tas