Renato Moicano comenta luta com Cub Swanson no UFC 227: “Vamos pra porrada”

O jovem lutador brasileiro que atualmente ocupa o nono lugar no ranking oficial da categoria peso-pena do UFC Renato Moicano Carneiro, irá encarar o norte americano Cub Swanson, atual quinto colocado, no card do UFC 227, que será realizado no dia 04 de agosto, no Staples Center em Los Angeles, Califórnia, nos Estados Unidos.

Dario Ferrari Rocha Teixeira
Escrevo sobre lutas em geral no Torcedores.com. São Paulino, fã do New England Patriots, Los Angeles Lakers e Los Angeles Dodgers. Noivo da Thays Gomes Lima.

Crédito: Getty Images.

Mais uma vez realizando seu camp na American Top Team junto a seu companheiro de fé e treinador de Boxe desde a época de Constrictor Team e First Fight Center em Brasília, no Distrito Federal, Gabriel de Oliveira, Renato Moicano já projeta um bom futuro na divisão dos pesos penas, caso vença Cub Swanson no duelo.

“Um pouquinho de planejamento não atrapalha ninguém, na verdade até ajuda. Mas primeiro tenho que vencer, depois tenho que pedir, e depois tem que ver se vai rolar. Mas depois de vencer o Swanson, quero uma revanche com Ortega, ele vencendo ou perdendo (para Max Holloway). Acredito que ele vencer seria a melhor opção, porque ele estaria com o cinturão. Das últimas lutas do Ortega, eu fui quem deu a luta mais dura, estávamos no terceiro round (quando fui finalizado). Depois disso, ele ganhou do Frankie e Cub no primeiro e segundo round, respectivamente, numas lutas relativamente tranquilas. Vai ter o Aldo contra Jeremy Stephens, e já lutei com Stephens e ganhei. Está tudo muito aberto, então depois dessa luta talvez role o “title shot”. Caso o Brian Ortega não vença, com certeza não vou para o título, mas também seria uma boa luta para fazer revanche porque ele vai ficar bem ranqueado mesmo se perder. E se o vencesse, seria quase impossível não me darem o cinturão. Isso é o que planejei, mas primeiro tenho que vencer o Cub e expor essas ideias depois, mas acredito que é uma coisa palpável”, revelou o lutador em entrevista para o COMBATE.COM.

Renato Moicano expõe opinião sobre o adversário:

“É muito difícil de saber. O Swanson é um cara muito bom, a gente cresceu o assistindo, e vimos muito o jogo dele. É uma luta realmente difícil de saber o prognóstico. Ele é um cara que sempre vai para a porrada, e a gente espera ir para essa porrada também e dar um show para a galera”, completou.

Confira abaixo o card completo (até o momento – sujeito à alterações) do UFC 227: Dillashaw vs. Garbrant 2:

Card Principal:

  • Peso-galo: (c) TJ Dillashaw vs. Cody Garbrandt – Pelo cinturão da categoria peso-galo;
  • Peso-mosca: (c) Demetrious Johnson vs. Henry Cejudo  – Pelo cinturão da categoria peso-mosca;
  • Peso-pena: Cub Swanson vs. Renato Moicano.

Card Preliminar:

  • Peso-médio: Derek Brunson vs. Antônio Cara de Sapato
  • Peso-galo: Ricardo Carcacinha vs. Kyung Ho Kang
  • Peso-galo: Pedro Munhoz vs. Alejandro Perez
  • Peso-mosca: Polyana Viana vs. JJ Aldrich
  • Peso-galo: Benito Lopez vs. Ricky Simon
  • Peso-palha: Danielle Taylor vs. Weili Zhang
  • Peso-pena: Wuliji Buren vs. Bharat Khandare
  • Peso-galo: Bethe Correia vs. Irene Aldana
  • Peso-galo: Benito Lopez vs.Ricky Simón