Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Robert Whittaker se diz ‘feliz’ por não ter lutado contra Michael Bisping

Nesta semana, Michael Bisping anunciou sua aposentadoria do MMA. O inglês deixa o esporte sem uma luta contra o australiano Robert Whittaker, atual campeão da divisão dos médios. Algo que ‘Bobby Knuckles’ não parece tão arrependido de não acontecer.

Victor Martins
Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.Antes trabalhei para a GG12 (empresa de prestação de serviços de conteúdo para sites)

Crédito: Reprodução/Instagram Oficial Robert Whittaker

Em uma conversa com jornalistas para promover sua luta no UFC 225 contra Yoel Romero, o australiano falou sobre a aposentadoria de Bisping. Whittaker se disse até ‘feliz’ porque os planos de uma luta entre ambos não se concretizaram, confessando ser fã de ‘The Count’.

“Acho que o Michael é um guerreiro. De verdade. Ele fez de tudo, venceu, perdeu e se tornou campeão. É um verdadeiro caso de resiliência e determinação. Acho que a gente pode aprender alguma coisa se formos ver a carreira dele. Sobre lutar com ele, todo lutador tem, de alguma forma. respeito em querer enfrentá-lo. Poderia até envolver honra e respeito, mas me sinto feliz por não lutar com o Bisping. Porque sempre vi as lutas dele e, sendo honesto comigo mesmo, sou um pouco fã dele”, declarou o australiano.

Robert Whittaker volta ao octógono neste sábado (9) em Chicago para sua primeira defesa como campeão da divisão dos médios do UFC, conta Yoel Romero.

LEIA MAIS

Zuluzinho é derrotado em retorno ao MMA após oito anos

Khabib se interessa por luta contra GSP, diz empresário

(Crédito da foto: Reprodução/Instagram Oficial Robert Whittaker)