Rússia bate o Egito e encaminha classificação; Japão e Senegal vencem no Grupo H

A terça-feira (19) foi bastante movimentada e com bom número de gols na Copa do Mundo de 2018. Além da abertura do Grupo H, com destaque para as suadas vitórias de Japão e Senegal – quando ambas não eram favoritas nas apostas de futebol –, a Rússia está 99% garantida nas oitavas de final, depois de bater o Egito por 3 a 1 pela segunda rodada do Grupo A. Na sequência, confira como foram os três jogos de hoje e os pagamentos com os números do Oddsshark.com.

Odds Shark
Colaborador do Torcedores

Crédito: Facebook Oficial/FIFA World Cup

GRUPO A: RÚSSIA 3 X 1 EGITO

Quem segura o time da Rússia? Na contramão das projeções iniciais, os donos da casa estão proporcionando grande alegria aos seus torcedores com o incrível saldo de oito gols em dois confrontos disputados. Depois dos 5 a 0 na estreia contra a Arábia Saudita, os anfitriões do Mundial venceram os egípcios, liderados por Mohamed Salah, pelo placar de 3 a 1 – gols de Fathy (contra), Cheryshev e Dzyuba, enquanto o craque do Liverpool descontou.

Na próxima rodada, a Rússia terá o duelo que promete ser o mais difícil da chave diante do Uruguai, que encara a Arábia Saudita amanhã (20). Aliás, se a Celeste ganhar ou empatar com os sauditas, os russos já poderão comemorar a classificação para a fase de mata-mata. Com relação ao Egito, restará apenas a despedida contra os árabes.

De acordo com o Oddsshark.com, o triunfo dos comandados de Stanislav Cherchesov proporcionou o pagamento de R$ 2,05 sobre cada real aplicado, pouco mais que o dobro, para os investidores. A situação do Grupo A, com este resultado, é a seguinte:

CLASSIFICAÇÃO – GRUPO A DA COPA DO MUNDO

  1. Rússia – 6 pontos em 2 jogos(8 gols de saldo)
  2. Uruguai – 3 pontos em 1 jogo (1 gol de saldo)
  3. Egito – nenhum ponto em 2 jogos (-3 gols de saldo)
  4. Arábia Saudita – nenhum ponto em 1 jogo (-5 gols de saldo)

GRUPO H: COLÔMBIA 1 X 2 JAPÃO

Com um jogador a mais desde os três minutos de jogo, depois da expulsão de Carlos Sánchez, que desviou a bola dentro da área intencionalmente, o Japão derrotou a Colômbia por 2 a 1. Aliás, foi um lance duplamente favorável aos nipônicos. Já com superioridade numérica em campo, os orientais converteram a penalidade máxima, com Kagawa, e ficaram em vantagem no marcador.

Mesmo com um a menos no gramado e no placar, os colombianos não se intimidaram. Ainda na primeira etapa, o artilheiro Falcao García teve duas chances de empatar. Na primeira, o goleiro Kawashima se esticou todo para defender. Na segunda, o camisa 1 voltou a impedir que o atacante de 32 anos do Monaco balançasse as redes.

Mas a igualdade veio ainda nos 45 minutos iniciais. Em cobrança de falta, Quintero bateu rasteirinho, a bola passou pela barreira e entrou. Kawashima ficou indignado com a validação do tento, alegando que a pelota não havia ultrapassado a linha. Mas é preciso avisar ao arqueiro japonês que a “redonda” tem um chip exclusivo para esse tipo de situação.

No segundo tempo, os orientais se fizeram valer do fôlego para dominar as ações. E aos 27 minutos, Osako aproveitou escanteio para tirar a bola do alcance de Ospina e dar números finais ao duelo, que garantiu o lucro de 450%, segundo o Oddsshark.com.

GRUPO H: POLÔNIA 1 X 2 SENEGAL

Na sequência, foi a vez do Senegal estrear com o pé direito diante da Polônia, que detinha o favoritismo para faturar os três pontos. Desde o início do confronto, os africanos apresentavam maior desenvoltura e bom equilíbrio entre os setores. Os europeus insistiam em acionar Lewandowski na frente, mas o craque do Bayern de Munique foi bem anulado pela zaga senegalesa.

E os Leões de Teranga foram arrasadores. Com os gols anotados pelo brasileiro Thiago Cionek (contra), no primeiro tempo, e Mbaye Niang, aproveitando-se de indecisão entre Jan Bednarek e o goleiro Szczesny, aos 15 minutos da etapa complementar, os africanos fizeram 2 a 0. Mas aos 39 minutos do segundo tempo, Krychowiak descontou, mas já era tarde. Melhor para quem investiu nos comandados de Aliou Cissé e se beneficiou da margem de resgate de 330%, de acordo com o Oddsshark.com.

Na segunda rodada do Grupo H, a Colômbia buscará a reação contra a própria Polônia, enquanto o Japão medirá forças com o Senegal. As duas partidas estão marcadas para o próximo domingo (24).

CLASSIFICAÇÃO – GRUPO H DA COPA DO MUNDO

  1. Japão – 3 pontos em 1 jogo(1 gol de saldo)
  2. Senegal – 3 pontos em 1 jogo (1 gol de saldo)
  3. Colômbia – nenhum ponto em 1 jogo (-1 gol de saldo)
  4. Polônia – nenhum ponto em 1 jogo (-1 gol de saldo)